ATIVIDADE FÍSICA AJUDA NA SOCIALIZAÇÃO

Os benefícios da atividade física na prevenção e tratamento de doenças que afetam o metabolismo do organismo já são conhecidos pela ciência e pela população em geral. Entretanto, a prática física pode ser utilizada também como meio de inclusão do indivíduo na sociedade e em sua socialização, favorecendo a criação de vínculos de afetividade.

Seja ao se referir a crianças, adolescentes, adultos, idosos, pessoas com deficiência ou qualquer outro grupo com dificuldades de socialização, a prática de atividade física tem se mostrado uma excelente alternativa na geração de interação desses indivíduos com seus semelhantes. Em relação à crianças e adolescentes, estimular atividades que demandem principalmente o trabalho em grupo colaboram no desenvolvimento da noção de coletividade. Ao se referir aos idosos, práticas como dança e hidroginástica são benéficas tanto em relação à fisiologia quanto à saúde mental, já que esse grupo está entre os mais acometidos por doenças como depressão devido ao abandono familiar. Em adultos acometidos por sintomas acentudados pela sociedade moderna, como ansiedade, estresse, sintomas depressivos entre outros, o exercício físico em grupos auxilia na relaçoes sociais gerando afetividade e pertencimento a um determinado grupo. Já em relação aos deficientes físicos e mentais, a prática física ajuda tanto no fortalecimento muscular que em muitos casos é comprometido pela deficiência, quanto na inclusão social, já que essas pessoas muitas vezes são excluídas pelos outros e por elas mesmas por vergonha de sua condição. Assim, incluir essas pessoas em grupos com semelhantes a ela facilitam o processo de interação e tornam o exercício físico uma prática mais atrativa.

Visto que cada grupo possui objetivos específicos quando se trata de exercícios físicos como forma de socialização, é importante que a prática seja bem direcionada por profissionais da área. Assim, limites físicos não são ultrapassados evitando lesões e atividades são planejadas de maneira eficaz tanto fisiologicamente, mentalmente e socialmente.

 

Então é isso pessoal, até a próxima e… tchau!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *