Atiradores matam três clérigos sunitas no Iraque

Geral

Atiradores matam três clérigos sunitas no Iraque

Redação Folha Vitória

Bagdá - Atiradores mataram três clérigos sunitas perto da cidade de Basra, de maioria xiita, no sul do Iraque, afirmou o porta-voz do Ministério do Interior iraquiano, Saad Maan.

Os atacantes emboscaram um carro na noite de quinta-feira que carregava os clérigos no distrito majoritariamente sunita de Bab Al-Zubeir, próximo a Basra, matando três e deixando outros dois que viajavam juntos gravemente feridos.

Ninguém assumiu a responsabilidade pelo ataque e não houve relatos de respostas de sunitas. O ministério está investigando os assassinatos.

O ataque aconteceu após uma visita do primeiro-ministro xiita, Haider Al-Abadi, a Basra nesta semana, além um tour na área sunita ao norte de Bagdá na véspera do Ano Novo. Em ambas as ocasiões, Al-Abadi falou enfaticamente sobre a necessidade de todas as comunidades religiosas e étnicas do Iraque se unirem diante da ameaça representada pelo grupo extremista Estado Islâmico.

Uma associação de clérigos sunitas pediu calma em um comunicado divulgado nesta sexta-feira, alegando que o ataque foi realizado para inflamar a violência sectária em Basra. O chefe da associação, Khaled Al-Mullah, disse em uma rede de televisão iraquiana, que o Estado Islâmico e seus apoiadores foram os únicos beneficiados com o ataque.

Também nesta sexta-feira, uma bomba explodiu no centro de Bagdá, matando quatro civis e ferindo 12, de acordo com a polícia e com funcionários de um hospital que falaram sob condição de anonimato. Fonte: Associated Press.