Autoridades dos EUA têm audiência no Senado sobre suposto ataque cibernético

Geral

Autoridades dos EUA têm audiência no Senado sobre suposto ataque cibernético

Redação Folha Vitória

Washington - Autoridades de inteligência dos EUA enfrentam nesta quinta-feira uma audiência no Senado sobre o suposto ciberataque nas eleições presidenciais para ajudar o presidente eleito, Donald Trump.

A audiência sobre as ameaças cibernéticas do Comitê de Serviços Armados nesta quinta-feira acontece um dia antes de o presidente eleito ser informado pelos diretores da CIA e do FBI - juntamente com o diretor de informação nacional - sobre a investigação dos supostos esforços de hackers da Rússia.

Trump tem sido profundamente crítico sobre tais descobertas, defendendo a declaração do fundador do WikiLeaks, Julian Assange, de que sua equipe não teria recebido de russos informações roubadas dos e-mails do Partido Democrata durante a campanha do ano passado.

A sessão da comissão é a primeira de uma série destinada a investigar os supostos ataques cibernéticos russos contra interesses norte-americanos.

"Obviamente falaremos sobre os possíveis ataques russos, mas o principal será toda a questão da segurança cibernética", disse o presidente do comitê republicano, o senador John McCain do Arizona, antes da audiência. "Agora não temos política, nenhuma estratégia para combater ataques cibernéticos", acrescentou. Fonte: Associated Press