Gâmbia aguarda novo líder

Geral

Gâmbia aguarda novo líder

Redação Folha Vitória

Gâmbia, 22/01/2017 - A capital da Gâmbia no domingo estava aguardando a chegada do novo líder do país e uma era de democracia, horas após o ex-líder Yahya Jammeh se direcionar para o exílio com garantias da comunidade internacional.

Aparentemente, Jammeh conseguiu o direito de voltar para casa. Uma declaração conjunta emitida pouco depois de Jammeh deixar o país, de autoria da ONU, União Africana e o bloco regional Ecowas (Comunidade Econômica dos Estados da África Ocidental), disse que os órgãos vão trabalhar com o governo do novo presidente da Gâmbia, Adama Barrow, para garantir que Jammeh, sua família e seus associados não sejam alvos de punição.

Mas um conselheiro de Barrow, Mai Ahmad Fatty, disse que a declaração não tinha a aprovação do novo líder. "Fiquei muito chocado ao saber via Facebook que o documento que tínhamos rejeitado já estava publicado nos sites da Ecowas E da UA", disse ele neste domingo. "A Gâmbia não respeitará nem honrará o que está nessa declaração conjunta."