Presidente da Finlândia é reeleito com mais de 60% dos votos no primeiro turno

Geral

Presidente da Finlândia é reeleito com mais de 60% dos votos no primeiro turno

Redação Folha Vitória

Helsinque - O presidente da Finlândia, Sauli Niinistö, foi reeleito neste domingo no primeiro turno, de acordo com os resultados oficiais de 99% das urnas apuradas. Ele obteve 62,7% dos votos, enquanto o seu principal rival, Pekka Haavisto, do Partido Verde, apareceu com 12,4%.

Haavisto, que ficou em segundo lugar na eleição de 2012, reconheceu a derrota antes da contagem de votos ser concluída, dizendo que Niinistö era "o novo presidente da República com esse resultado". Nenhum dos outros seis candidatos recebeu mais de 7% dos votos.

Niinistö, de 69 anos, é ex-ministro das Finanças e presidente do Parlamento e tem sido um presidente bastante popular desde que assumiu o cargo em 2012. Ele precisava de maioria simples para evitar um segundo turno e conseguir se reeleger. Niinistö se classifica como independente, sem associação com o conservador Partido da Coalizão Nacional, mesmo tendo sido presidente da sigla anteriormente.

O presidente da Finlândia também atua como o comandante supremo das forças militares. Como chefe de Estado, o presidente é o principal ator da política externa, particularmente em questões fora da União Europeia.

Para a maioria dos finlandeses, a tarefa principal do presidente é assegurar laços amigáveis com a Rússia, com quem a Finlândia compartilha uma fronteira de 1.340 quilômetros. A Finlândia pertence à União Europeia desde 1995, mas não é integrante da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

Pesquisas recentes haviam indicado que Niinistö conseguiria entre 58% e 63% dos votos, enquanto Haavisto atingiria cerca de 14%. Fonte: Associated Press.