• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Casar no Cristo Redentor não custa caro! Veja o que é preciso para realizar a cerimônia dos sonhos

Geral

Casar no Cristo Redentor não custa caro! Veja o que é preciso para realizar a cerimônia dos sonhos

Selar a união no Alto do Corcovado não é um privilégio só de famosos e tem um valor 'acessível'

Thaiz Blunck

Redação Folha Vitória
Foto: Reprodução / Instagram

Casamentos sempre chamam atenção e enchem os olhos de quem ainda aguarda para subir ao altar e até mesmo daqueles que já passaram pela emoção do enlace matrimonial. No início desta semana, foi a vez do DJ Alok trocar as alianças com a médica Romana Novais e surpreender a todos com uma cerimônia diferenciada e fora dos padrões.

O casal escolheu dizer "sim" aos pés do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, em um horário nada convencional: às 05h da manhã, para acompanhar o nascer do sol da "Cidade Maravilhosa". O cenário, é claro, chamou atenção e despertou curiosidade. Afinal, quanto custa casar em um dos pontos turísticos mais famosos do mundo?

Apesar de parecer um sonho distante para muitos, selar a união no Alto do Corcovado não é um privilégio só de famosos e tem um valor "acessível", se comparado ao custo de locação de cerimoniais e espaços de festas. O custo é de aproximadamente R$ 2.700 e a cerimônia pode ser realizada em qualquer dia da semana.

Foto: Renato Saraiva/Reprodução Instagram

Em conversa ao jornal online Folha Vitória na tarde desta quinta-feira (17), Padre Omar, reitor do santuário e responsável por celebrar o casamento de Alok e Romana, explicou o que é necessário para uma cerimônia no local.

"O Cristo Redentor é um santuário como qualquer outra igreja. Para realizar uma cerimônia aqui, os noivos precisam se submeter a todas as exigências da Igreja Católica, como o curso de noivos, reserva de datas e horários. Além da área externa, onde foi realizado o casamento do Alok e da Romana, também temos uma capela dedicada à Nossa Senhora Aparecida, que comporta cerca de 30 pessoas", explicou. 

Foto: Reprodução/Instagram

O Santuário está aberto para a realização de casamentos de pessoas de qualquer parte do país e do mundo. Para quem não é do Rio de Janeiro, o reitor orienta a procurar a paróquia mais próxima e lá fazer a abertura do processo. 

"Aqui nós recebemos casamento de pessoas do mundo todo. Quem está no Espírito Santo, por exemplo, pode procurar a paróquia mais perto de casa e fazer a abertura do processo. Ele dura cerca de 2 meses para tramitar e esse tempo é bom para organizar tudo", afirmou. 

E para os pombinhos que desejam trocar as alianças no santuário, tem notícia boa! A agenda de 2019 ainda está aberta e há vagas para realização de cerimônias a partir de abril. 

"Para esse ano ainda temos datas disponíveis a partir de abril. O valor é partir de R$ 2.700, mas tudo depende também da estrutura que a pessoa quer para o casamento.  O Cristo Redentor é o camarote da cidade do Rio de Janeiro e tem um diferencial de poder estabelecer essa relação espiritual. O Cristo não é apenas um ponto turístico, é um santuário e lugar fabuloso para celebrar o amor", concluiu padre Omar. 

Solicitação
Para realizar a cerimônia no Cristo Redentor, é necessário preencher um cadastro no site do Santuário, com a data do casamento, nomes e informações pessoais dos noivos. Após o preenchimento do cadastro, o casal receberá um e-mail com instruções para concluir a solicitação. 

Veja como foi a cerimônia!


Passos para agendar o casamento no Cristo Redentor!

Agendamento – Agendar a data do casamento na Sede do Santuário ou por meio do site. 

Documentação Religiosa – Dar entrada na Habilitação Matrimonial Religiosa e também fazer a matrícula em um curso de noivos na paróquia que frequentam ou a mais próxima da residência de um dos noivos. Lá eles irão instruí-los sobre tudo que é necessário para isso. Assim que a Habilitação estiver pronta, os noivos devem entregá-la na sede do Santuário, no bairro da Glória (agendar visita por telefone) com 1 (um) mês de antecedência..

Importante – para documentação religiosa habilitada fora do Rio de Janeiro, a igreja que o elaborar deverá enviar a documentação pronta, incluindo habilitação civil, para a Cúria Metropolitana da Arquidiocese do Rio de Janeiro  com ao menos 1 (um) mês de antecedência.

Documentação Civil – os noivos deverão comparecer ao cartório e solicitar a lista de documentos necessários para o casamento civil. Ao dar entrada no processo civil, poderão optar pelo Casamento Civil ou Casamento Religioso com Efeito Civil e, de posse dele, entregar na paróquia onde estiverem fazendo a Habilitação.

Música – No ato da entrega da habilitação, escolher as músicas que serão tocadas em CD. Caso os noivos queiram alguma música que o santuário não possui, será necessário levar a mídia e o nome da(s) música(s) para avaliação e aprovação do reitor do Santuário. Se os noivos quiserem levar músicos, será por conta deles e terão que enviar também o repertório para apreciação do reitor e informar quais instrumentos e quantos músicos serão.

Decoração da capela - padrão com 3 arranjos e podem ser feitos com Palma, Copo de leite, Monsenhor calabra, Chuva de prata e a folhagem, Murta. Caso queiram outros arranjos, será por conta dos noivos, levando em consideração o espaço interno da capela.

Capacidade da capela – 22 pessoas sentadas e 10 a 15 em pé.