Mesmo sem chuva, 370 pessoas continuam fora de casa no ES

Geral

Mesmo sem chuva, 370 pessoas continuam fora de casa no ES

Desabrigados e desalojados são afetados pelos reflexos das fortes chuvas da semana passada e também pela cheia do Rio Doce

Marcelo Pereira

Redação Folha Vitória
Foto: Suellen Araujo/TV Vitória
Rio Doce continua acima da cota de inundação em Linhares

Apesar de não estar mais chovendo, 370 pessoas permanecem fora de suas casas no Espírito Santo. Elas ainda são afetadas tanto pelos estragos causados pelas chuvas nas últimas semanas, que caíram principalmente nas regiões Sul e do Caparaó, quanto pela cheia do Rio Doce, que castiga as cidades de Colatina e Linhares.  

As informações são do boletim da Defesa Civil Estadual e foram atualizadas às 11h desta quinta-feira (14). Há registro de desabrigados e desalojados em Afonso Cláudio (22 pessoas), Apiacá (3), Colatina (97), Ibatiba (113), Linhares (74), Itapemirim (27) e Baixo Guandu (3).

As cidades de Linhares, Apiacá e Afonso Cláudio providenciaram abrigos para acolher os desabrigados. 

Linhares e Colatina continuam com alertas para risco muito alto para alagamentos e inundações. Baixo Guandu recebeu alerta de risco alto.

Leia também: Nível do Rio Doce recua 30 centímetros e resgate de famílias continua nesta sexta

Em Linhares, o nível do rio Doce recuou mais 30 centímetros na manhã de sexta-feira (14) e está com a cota de inundação de 5,60 metros. 

Segundo a Defesa Civil Municipal de Linhares, na quinta-feira (14) foram resgatadas 40 famílias na comunidade de Olaria e região de Povoação. A previsão para esta sexta é o resgate de pelo menos mais cinco. A tendência é que o volume do rio continue caindo nas próximas horas.

Em Colatina, o nível do rio baixou 90 cm mas continua alto com cota de inundação em 5,80.

Estradas interditadas

Por causa da cheia do Rio Doce, a Defesa Civil Estadual avisa aos motoristas que há risco de alagamento no km 50,6 da Rodovia ES-248, no trecho Colatina - Linhares.

Há aviso de interdição total na ES-484 entre Itaicí e o distrito de Araraí, em Alegre. A rota alternativa de passagem é a via pavimentada de Itaicí seguindo até Muniz Freire, acessar a ES-181 e passando por Anutiba.

Interdição total também na ES-487 na altura do distrito de Penedo, na cidade de Itapemirim. A opção para o motorista é passar pela Vila de Itapemirim, no Centro, ou passar pela Barra até o acesso à Rodovia do Sol. A estrada que dá aceso ao bairro Coqueiro também está interditada. A interdição é feita pela Defesa Civil local.