Cinco suspeitos morrem em confronto com Bope na zona norte do Rio

Geral

Cinco suspeitos morrem em confronto com Bope na zona norte do Rio

Redação Folha Vitória

Rio de Janeiro - Um confronto entre policiais militares do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e supostos traficantes deixou cinco suspeitos mortos, na manhã desta sexta-feira, no morro Jorge Turco, em Rocha Miranda, zona norte do Rio. Os tiros perfuraram um reservatório da Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae), instalado no alto do morro e capaz de armazenar 200 mil litros de água.

Segundo a Polícia Militar (PM), a ação do Bope começou no início da manhã e terminou por volta das 15h. Dois homens foram presos e um menor de 18 anos de idade, apreendido. Com eles, a PM informou ter recolhido um fuzil e quatro pistolas. A Cedae interrompeu o fornecimento de água para o reservatório. Ao final da operação, técnicos foram ao local na tentativa de consertar a caixa d'água, que jorrava. De manhã, devido à operação policial, a Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura do Rio suspendeu as atividades e fechou a Vila Olímpica Félix Mielli Venerando, em Honório Gurgel, bairro vizinho ao Jorge Turco.

À tarde, no complexo de favelas do Alemão, na zona norte, um PM que atua numa das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) da área foi baleado durante tiroteio enquanto patrulhava a região conhecida como Rua Sem Saída. Encaminhado ao Hospital Getúlio Vargas, ele não corre risco de morrer, segundo a PM. Durante a madrugada, mais dois PMs foram atingidos durante confrontos com criminosos e levados ao Getúlio Vargas, onde receberam alta.

Já em Senador Camará, na zona oeste, de madrugada, um PM de folga foi baleado, um homem morreu e outro desapareceu durante ataque de criminosos. Segundo a PM, por volta de 1h, bandidos em motos abordaram o carro onde estavam as três pessoas, entre elas o PM, lotado na Diretoria Geral de Pessoal (DGP). Ainda não se sabe se os criminosos pretendiam praticar um assalto. Atingido na perna e nas costas, o policial foi hospitalizado. A PM procura o desaparecido, terceiro ocupante do carro. O homem que morreu não havia sido identificado até a tarde de hoje.