Presos armados fazem dois guardas reféns em prisão de Taiwan

Geral

Presos armados fazem dois guardas reféns em prisão de Taiwan

Redação Folha Vitória

Taipei - Seis detentos do sistema penal de Taiwan conseguiram desarmar e fazer de reféns dois funcionários de um presídio da cidade portuária de Kaohsiung nesta quarta-feira, afirmaram autoridades locais.

A região em torno do presídio foi cercada de policiais, que também posicionaram atiradores de elite. Os presos, que cumprem penas por roubo, assassinato e tráfico de drogas, pedem que a polícia se retire da região e que sejam disponibilizados dois veículos com tanque cheio para a fuga. Eles conseguiram a posse de quatro rifles, seis pistolas e mais de 200 balas de um depósito de armas do presídio.

O ministério da Justiça já avisou que não vai ceder à exigências dos sequestradores. O incidente começou quando alguns dos detentos fingiram problemas de saúde para atrair dois guardas, que foram rendidos. Mais tarde, eles foram trocados por outros dois funcionários mais graduados da prisão.

"A prioridade agora é negociar, mas nós não iremos aceitar as exigências dos sequestradores", afirmou o vice-ministro de Justiça, Chen Ming-tang. "Nós certamente iremos levar a segurança dos reféns em consideração." Fonte: Associated Press.