Líderes da Europa Central rejeitam ideia da UE de realocar refugiados

Geral

Líderes da Europa Central rejeitam ideia da UE de realocar refugiados

Redação Folha Vitória

Varsóvia - Líderes da Europa Central disseram, nesta terça-feira, que rejeitam uma política da União Europeia que exige que todos os seus Estados-membros acolham refugiados. Os líderes protestaram contra as sugestões de que o nível de comprometimento com os refugiados poderia ser vinculado à disponibilidade de fundos da UE para seus membros.

Uma reunião em Varsóvia, do grupo que ficou conhecido como Grupo de Visegrado, reuniiu a primeira-ministra da Polônia, Beata Szydlo, e os seus homólogos da Hungria, Eslováquia e República Checa. Os assuntos incluíram as políticas migratórias da UE e o plano de dividir cerca de 160 mil refugiados entre os Estados-membros, a fim de aliviar a pressão sobre a Grécia e a Itália.

Os líderes da Europa Central disseram que rejeitam o plano de deslocalização e que não irão ceder, mesmo sob pressão financeira. Para eles, essa tentativa não passa de chantagem. O governo polonês citou, ainda, preocupações de segurança entre as razões por trás de sua recusa em receber refugiados. Fonte: Associated Press.