Instituto divulga cronograma de verificação de taxímetros na Grande Vitória

Geral

Instituto divulga cronograma de verificação de taxímetros na Grande Vitória

O proprietário do táxi deverá agendar antecipadamente a data da verificação e emitir a Guia de Recolhimento da União para o pagamento da taxa de serviço

Foto: Divulgação

O Instituto de Pesos e Medidas do Espírito Santo (Ipem-ES) divulgou, nesta quinta-feira (28), o calendário de verificações dos taxímetros instalados nos veículos-táxi licenciados nos municípios da região metropolitana da Grande Vitória. As verificações serão realizadas entre os dias 01 a 30 de abril.

O proprietário do táxi deverá agendar antecipadamente a data da verificação e emitir a GRU (Guia de Recolhimento da União) para o pagamento da taxa de serviço. O agendamento deve ser feito acessando o site do Ipem-ES.

O instituto esclarece que o reagendamento somente será realizado se solicitado com antecedência mínima de sete dias da data agendada anteriormente.

O atendimento para verificação será realizado no horário compreendido das 9h às 11h30 e 13h às 15h. No dia, é necessária a apresentação dos seguintes documentos: autorização da prefeitura; último Certificado de Verificação do Taxímetro; Certificado de Registro de Licenciamento de Veículo (CRLV); Carteira Nacional de Habilitação do Motorista (CNH); Comprovante de pagamento da GRU referente ao serviço de verificação.

O proprietário, ou responsável legal do táxi, que estiver impossibilitado de comparecer com o taxímetro para a verificação, no prazo pré-estabelecido, deverá apresentar justificativa, por escrito e com a devida comprovação, na sede do Ipem-ES, em Vitória, mediante protocolo de recebimento, até o último dia do prazo de verificação.

Os proprietários que não comparecerem, ou não apresentarem justificativa, serão autuados. O taxímetro que, durante a verificação, ficar reprovado e necessitar de reparos deverá ser submetido à nova verificação após a conclusão dos serviços realizados por oficina autorizada.

Já os táxis submetidos à verificação este ano, e que estão com a marca oficial com indicação de “Verificado até 2020”, não necessitam realizar nova vistoria.