• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Menino infectado após surto de diarreia em creche de Vila Velha recebe alta

Geral

Menino infectado após surto de diarreia em creche de Vila Velha recebe alta

Ele estava internado em um hospital particular do município e, segundo a assessoria de imprensa da unidade, deixou o local depois de apresentar melhora

Foto: Reprodução TV Vitória

Uma das crianças infectadas após um surto de diarreia que atingiu alunos de uma creche particular da Praia da Costa, em Vila Velha, recebeu alta hospitalar na tarde desta quinta-feira (28). O menino estava internado em um hospital particular do município e, segundo a assessoria de imprensa da unidade, ele deixou o local por volta das 16 horas, depois de apresentar melhora no quadro clínico.

Outras duas crianças contaminadas após o surto permanecem internadas. Um menino está na UTI de um hospital particular em Vitória. O estado de saúde dele é considerado estável, mas, segundo os médicos, ainda requer atenção.

A outra vítima que segue internada é uma menina, que deu entrada em um hospital particular da Serra na madrugada desta quinta-feira. A equipe médica avaliou o quadro dela como grave.

Ao todo, seis alunos da unidade de ensino precisaram de atendimento médico depois de apresentarem um quadro de diarreia, vômitos e dores abdominais. Quatro foram internados.

O caso mais grave foi do menino Théo, de 2 anos, que morreu na quarta-feira com um quadro de desidratação, vômito e diarreia com sangue. Segundo a equipe médica, a criança também apresentava insuficiência renal e um edema cerebral. O menino foi sepultado nesta quinta-feira, no cemitério Parque da Paz, na Ponta Fruta, em Vila Velha.

Leia também: 

- Demora ao comunicar surto de diarreia em creche de Vila Velha pode atrapalhar investigação

- Bactéria pode ter causado surto de diarreia que matou uma criança e deixou 4 hospitalizadas em Vila Velha

A creche onde aconteceu o surto está fechada temporariamente. Equipes das vigilâncias Epidemiológica, Ambiental e Sanitária de Vila Velha recolheram amostras de água e comida do local e também de um quiosque onde duas crianças teriam estado pouco antes de apresentarem os sintomas. Uma nova análise foi realizada na manhã desta quinta-feira.

Prontuários médicos e materiais biológicos das crianças também foram levados para o Laboratório Central (Lacen) da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). O objetivo é descobrir o que provocou o surto.