Geral

Morre índio ferido internado no Brasil

Um indígena venezuelano, ferido na fronteira com arma de fogo em confronto com a Guarda Nacional Bolivariana, na sexta-feira, morreu na quinta-feira, 28, no Brasil.

Kliver Alfredo Pérez Rivero, de 24 anos, estava internado no Hospital Geral de Roraima. Assim, subiu para cinco o número de mortos na repressão do governo do presidente Nicolás Maduro a manifestantes em Santa Elena de Uairén, no fim de semana - 22 manifestantes ficaram feridos.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Pontos moeda