Vila Velha acompanha Serra e Vitória e também fecha estacionamentos nas praias

CORONAVÍRUS

Geral

Vila Velha acompanha Serra e Vitória e também fecha estacionamentos nas praias

Além do fechamento, não serão permitidas atividades físicas coletivas. Também haverá fiscalização de quiosques e outros estabelecimentos comerciais

Foto: Divulgação/ Prefeitura de Vila Velha

Para dar início ao período de fechamento mais restritivo em todo Espírito Santo, determinado pelo governo do Estado, a prefeitura de Vila Velha fechará na noite deste domingo (28) os estacionamentos localizados na orla do município. 

São 17 pontos com vagas de estacionamento. Seis são os chamados "bolsões", onde os veículos ficam em espaços delimitados pela administração municipal e ficam distribuídos entre a Praça do Ciclista, em Coqueiral de Itaparica, e o Libanês, na Praia da Costa.

O objetivo da prefeitura é diminuir a possibilidade de acesso à orla e, desta forma, evitar aglomerações. Apesar do fechamento destes locais, não serão fechadas as vagas “abertas”, cujo acesso ocorre a partir da via. No entanto, a orientação é que as pessoas evitem ir às praias.

Os acessos aos 'bolsões' serão bloqueados, inicialmente à noite, com barreiras de concreto, chamadas de “gelo baiano”. No domingo, as saídas serão fechadas com cones para permitir que o morador, que tenha estacionado seu veículo, possa retirá-lo. Na segunda-feira (29), os cones serão substituídos, novamente, pelas barreiras fixas.

Além de bloquear os estacionamentos, uma força-tarefa integrada por servidores da secretaria de Defesa Social e Trânsito, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros vai percorrer a orla para conscientizar e orientar a população. Não serão permitidas atividades físicas coletivas. Também haverá a fiscalização de quiosques, de outros estabelecimentos comerciais e de ambulantes; todo proibidos.

A barreira sanitária itinerante, que está atuando todos os dias desde terça-feira (16), estará na orla, no cruzamento das avenidas Gil Veloso e Jair de Andrade.

“Estamos trabalhando com fiscalização, mas de forma a conscientizar a população, desde antes do decreto da quarentena. Vila Velha está mostrando que está ordenada e atuando em prol da diminuição do número de infectados, para que tão logo possamos voltar às atividades com segurança. Portanto, com este aparato e a conscientização da população, temos a confiança de que nossas praias vão permanecer sem aglomeração nos dias que virão”, afirmou o secretário de Defesa Social e Trânsito, tenente coronel Geovanio Ribeiro.

Serra

A Prefeitura da Serra, diante do agravamento no número de internados e de mortes por coronavírus, publicou na sexta-feira (26), um novo decreto com medidas para evitar aglomerações e frear a proliferação da covid 19.

Desde sexta, nas praias e nas orlas, em qualquer horário do dia, fica proibido o estacionamento de veículos, o uso de cadeiras, de barracas e de guarda-sóis. A comercialização de produtos, a prestação de serviços, a locação de bens, a atividade de ambulante fixo e itinerante também não são mais permitidas.

Os parques municipais e o horto da cidade estão fechados. Nas praças e vias públicas, ficam proibidas as atividades de ambulante fixo e itinerante, independentemente do produto comercializado.

Em lojas que comercializam alimentos, como lanchonetes, sorveterias e cafeterias está também proibido o consumo no local. A venda de produtos deve ser realizada no formato delivery ou com retirada programada.

Os restaurantes autorizados a funcionar somente por meio de entregas (delivery), deverão afixar, em local visível, cartaz informando a proibição do ingresso de clientes no interior do estabelecimento, em tamanho e fonte suficiente que garanta a leitura e o entendimento, assim como manter o acesso fechado para o interior do estabelecimento.

A equipe de fiscalização da prefeitura da Serra,composta por fiscais da Secretaria de Meio Ambiente, de Desenvolvimento Urbano, Guarda Municipal, Vigilância Sanitária e com apoio do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar, está 24 horas nas ruas, segundo a administração municipal

Vitória

Depois de ser notificado pelo Ministério Público Estadual, o prefeito de Vitória, Lorenzo Pazolini, no último dia 18 de março, adotou medidas para diminuir a circulação de pessoas e não incentivar a ida à orla e às praias. Uma delas é a interdição de alguns estacionamentos públicos, como o da orla da Av. Dante Michelini, sentido Jardim da Penha x Jardim Camburi; o da praia da Curva da Jurema e da Ilha do Boi. 

Também fica proibida a prestação de serviço nas praias e na orla marítima, incluindo o comércio ambulante fixo e itinerante, em qualquer horário do dia. Em respeito ao decreto estadual, os quiosques estão proibidos de abrir ao público até 31 de março, podendo realizar atendimento pelo sistema de delivery.