Mais de 150 mil famílias capixabas terão cortes de energia suspensos até junho

Geral

Mais de 150 mil famílias capixabas terão cortes de energia suspensos até junho

A decisão faz parte de uma medida de enfrentamento à pandemia; o corte no fornecimento de água também está suspenso

Foto: Reprodução / TV Vitória

A decisão da EDP em suspender o corte de energia elétrica para cidadãos com contas em atraso vai beneficiar mais de 150 mil famílias capixabas. Além da energia elétrica, a Companhia Espírito Santense de Saneamento (Cesan) também aderiu à decisão e não vai cortar o fornecimento de água para capixabas que estejam em débito.

A costureira Liliane Souza da Silva é uma das beneficiadas pelas suspensões. Moradora do bairro Redenção, em Vitória, ela tem quatro filhos, todo pequenos. Liliane teve a casa incendiada e perdeu todos os móveis, inclusive as máquinas para o trabalho de costura.

A única que restou precisa de novas peças para o funcionamento e com isso, Liliane não consegue ter um acréscimo na renda. Com o aparelho ruim, a costureira começou a vender empadas, mas devido à pandemia, nem este trabalho ela conseguiu continuar.

"Na pandemia estou tendo que ficar em casa porque a gente não pode sair na rua vendendo essas coisas, porque até os bares estão todos fechados, então não tem como eu oferecer. A renda caiu bastante", explicou.

Atualmente, a renda da família está em R$ 253,00 do Bolsa Família. Além do benefício, Liliane também conta com a ajuda de vizinhos para pagar as contas da casa. Hoje ela está com nove contas de energia em atraso e somando tudo, o valor de aproxima dos R$ 3 mil.

Suspensão no corte de energia

A concessionária de energia EDP anunciou que até o 30 de junho, as famílias que tiverem contas de luz em atraso, assim como a Liliane, não sofrerão o corte de energia elétrica. O alívio nas contas só foi possível, porque a costureira está cadastrada no CadÚnico.

"Antes eu já tinha dificuldade em pagar, depois do incêndio ficou pior porque o que eu faço só dá para comer. Não dá para pagar contas de água, luz e essa outras pendências", disse a costureira.

De acordo com a EDP, mesmo com a isenção nos cortes, os consumidores precisam dar continuidade aos pagamentos para que evitem o acúmulo de débitos. Ao todo, mais de 150 mil famílias capixabas, que vivem com baixa renda, serão beneficiadas.

Leia também: Cesan e EDP não vão cortar água e luz de quem não pagar conta nos próximos dias no ES

* Com informações da repórter Milena Martins, da TV Vitória/Record TV.