OLP nega ação militar em defesa do campo de refugiados palestinos na Síria

Geral

OLP nega ação militar em defesa do campo de refugiados palestinos na Síria

Redação Folha Vitória

Ramallah, Cisjordânia - A Organização para a Libertação da Palestina(OLP) negou que irá participar de ação militar em defesa do campo de refugiados em Yarmouk, na Síria, contra militantes do Estado Islâmico.

Ontem, um representante da OLP para a capital Damasco, Ahmad Majdalani, havia dito que o grupo palestino estava pronto para unir forças com o governo sírio para expulsar os rebeldes do campo de refugiados.

A declaração do membro da OLP contrariava a posição do presidente palestino, Mahmoud Abbas, de que os palestinos devem ficar fora do conflito na Síria.

"Apelamos para recorrer a outros meios para poupar o sangue do nosso povo e evitar mais destruição e deslocamento de palestinos", de acordo com o comunicado da OLP.

"Nós sabemos que se o exército sírio interferisse com seus aviões e tanques, isso significaria uma completa destruição do acampamento", disse Wasel Abu Yousef, um funcionário da OLP.

Milhares de refugiados palestinos estão sitiados neste campo, localizado na periferia de Damasco. Fonte: Associated Press.