Austrália: Primeiro-Ministro diz que não tolerará ameaças da Coreia do Norte

Geral

Austrália: Primeiro-Ministro diz que não tolerará ameaças da Coreia do Norte

Redação Folha Vitória

Brisbane - O primeiro-ministro australiano usou uma comemoração de uma batalha naval da Segunda Guerra Mundial para alertar que seu país e os Estados Unidos não tolerarão as "as perigosas ameaças" da Coreia do Norte para a paz regional.

O primeiro-ministro Malcolm Turnbull falou durante a manhã desta segunda-feira (horário local) na cidade de Townsville, no nordeste da Austrália, onde australianos e americanos se reuniram para lembrar a batalha crucial do Mar de Coral de 4 a 8 de maio de 1942.

Os porta-aviões dos EUA apoiados por cruzadores australianos pararam uma invasão naval japonesa a Port Moresby, capital de Papua-Nova Guiné.

Turnbull se reunirá com o presidente Donald Trump pela primeira vez na quinta-feira em Nova York, a bordo do porta-aviões USS Intrepid, para comemorar o 75º aniversário do início da batalha. Fonte: Associated Press.