França: conservador Fillon e socialista Hamon declaram apoio a Macron

Geral

França: conservador Fillon e socialista Hamon declaram apoio a Macron

Redação Folha Vitória

São Paulo - Ainda durante o início dos trabalhos de apuração dos votos da eleição presidencial na França, encerrada há cerca de uma hora, dois dos candidatos - o conservador François Fillon e o socialista Benoît Hamon - vieram a público reconhecer a derrota e declarar apoio ao candidato social-liberal Emmanuel Macron, que lidera as pesquisas de boca de urna (23,7% segundo o instituto Ipsos). Em segundo lugar aparece a ultraconservadora Marine Le Pen (21,7%).

Fillon era um dos quatro candidatos que chegou ao dia das eleições tecnicamente empatado, juntamente com o conservador o populista de esquerda Jean-Luc Mélenchon. Já Hamom era apontado pelas pesquisas como quinto colocado.

Em pronunciamento há pouco, Hamom reiterou o desejo de que se possa construir um país "fraterno e orgulhoso" e que "as promessas republicanas possam se realizar. Dirigindo-se ao eleitor, afirmou ainda que "o futuro da França está em suas mãos" e fez uma alerta contra a radicalização, numa referência à candidatura de Marine Le Pen, de extrema direita. Ele finalizou seu discurso exaltando o país. "Viva a França! Viva a República!"