Advogado de Ghosn esclarece condições de liberação inicial sob fiança

Geral

Advogado de Ghosn esclarece condições de liberação inicial sob fiança

Redação Folha Vitória

Um advogado do ex-presidente da Nissan Carlos Ghosn, que foi levado de volta para a prisão na semana passada, esclareceu as condições que haviam permitido a sua liberação inicial sob fiança. Ele disse querer esclarecer o que chamou de especulação incorreta na mídia japonesa.

Ghosn, acusado de má conduta financeira, foi preso em novembro, mas libertado em março. Ele foi detido novamente sob novas acusações na quinta-feira. É incomum no Japão que um suspeito solto sob fiança seja preso novamente.

Segundo o advogado Takashi Takano, entre as condições para a liberação estavam a restrição para Ghosn usar apenas um computador, que está no escritório do advogado do executivo, e um celular. É a primeira vez que tais condições, estabelecidas pelo Tribunal Distrital de Tóquio, são divulgadas em detalhes. Ghosn afirma que é inocente. Fonte: Associated Press.