Com repasses em atraso, Apae de Guarapari promove ações próprias para garantir funcionamento

Geral

Com repasses em atraso, Apae de Guarapari promove ações próprias para garantir funcionamento

Eventos, contribuições e doações representam parte dos recursos da instituição.

Carolina Brasil

Redação Folha da Cidade
Foto: Hamilton Garcia
Apae Guarapari: Rua Vereador Jorge Simões, 10 - Itapebussi. Informações: (27) 3361-3300 / 3621-7209. 

Como muitas instituições sociais, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Guarapari enfrenta muitas dificuldades para realizar, dia após dia, o trabalho proposto. E, com o objetivo de continuar a promover e colaborar com o desenvolvimento de pessoas com deficiência intelectual e múltipla do município e região, possui diversas ações que contam com a ajuda da comunidade para de fato acontecerem.

Eventos, rifas e o estimulo por doações, por exemplo, colaboram para que a instituição tenha recursos para manter as atividades sem depender, exclusivamente, de convênios e emendas parlamentares, que muitas vezes esbarram na burocracia. “Quando o repasse fica parado ou corre de forma morosa, nosso trabalho fica diretamente prejudicado. Vale ressaltar, que casos assim costumam acontecer todos os anos e demorar cerca de seis meses ou mais para ser liberado, mesmo o Município sabendo da necessidade e importância do trabalho realizado”, explicou Luciana Baraviera, Coordenadora Geral da Apae Guarapari.

Foto: Hamilton Garcia
Recursos em dia podem garantir que a instituição atenda na capacidade máxima.

Luciana destacou que vivem essa situação atualmente. A instituição está, desde o início do ano, sem a equipe de profissionais da Assistência que compreende Psicólogo, Terapeuta Ocupacional, Cuidador, Educador Social e Oficineiro, comprometendo o desenvolvimento dos assistidos. “Isso também dificulta a permanência de profissionais da saúde, como Fisioterapeuta, que apesar de termos uma sala altamente equipada, é outro profissional que temos flutuante pela falta do repasse. Inclusive, ainda não foi possível contratar o especialista neste ano de 2019”.

Vale lembrar que a falta de recursos compromete a oferta de vagas, gerando fila de espera. Hoje, 98 alunos estão na Apae Guarapari que teria capacidade para atender até 150 pessoas em serviços ofertados no contra turno da escola regular, se terça a sexta-feira. Contudo, no que depender da diretoria da instituição, o trabalho não para. Com iniciativas próprias, a Apae conta com a solidariedade e opções não faltam para quem quer realmente colaborar:

Eventos

Motociata

Dia: 07 de abril (domingo)

Horário: 9h – concentração

Local: Radium Hotel

O evento, promovido pela Associação de Motociclistas de Guarapari, acontece em conscientização sobre o autismo. Na oportunidade, haverá arrecadação de materiais de limpeza. Mesmo quem não for participar da motociata, pode levar a doação.

Talentos da Terra

Dia 03 de maio (sexta-feira)

Horário: 21h30

Local: Bakokas

Shows com artistas locais. As atrações: Marcelo dos Teclados, Beto Moreno e Marcy, Biro e Zezinho, e Beto se apresentarão sem cachê e a bilheteria será revertida para a instituição. Valor R$ 15,00. Vendas: Apae, Magazine Grande Rio (Muquiçaba e Aeroporto), Óticas Carol (Shopping Guarapari), Brechó Apae, Bambino Kids (Muquiçaba), Q –Joia (Muquiçaba) e Banca de revista na Pracinha de Muquiçaba.

Rifas

Durante o ano, duas rifas são promovidas. A do primeiro semestre já está a venda e será sorteada na semana do Dia das Mães. O sortudo vai levar para casa uma cesta de produtos Natura. O valor de cada bilhete é de R$ 5,00 e pode ser adquirido na sede. Em 2018, cerca de R$ 6 mil foram arrecadados com esse tipo de ação.

Carnê mensal

Para quem deseja contribuir mensalmente, a instituição disponibiliza um carnê. Qualquer pessoa pode se comprometer e escolher o valor. Para isso, basta ir até a sede que fica situada à Rua Vereador Jorge Simões, 10, no bairro Itapebussu, ao lado do ginásio do Polivalente. Informações: (27) 3361-3300 / 3621-7209.

Doações

A Apae pede doações de roupas e calçados em bom estado e convida a todas para visitarem o Brechó que funciona na Rodovia do Sol, no bairro Aeroporto, em frente a Foto Carlos.

Aluguel

A instituição também dispõe de um auditório, equipado com Datashow e capacidade para 80 pessoas, para realização de eventos. A renda com o aluguel do espaço também é revertida para as atividades.