Surto em creche: bebê de 7 meses é monitorado após apresentar sintomas de contaminação

Geral

Surto em creche: bebê de 7 meses é monitorado após apresentar sintomas de contaminação

Atualmente, já são 15 pessoas que passaram mal com sintomas de diarreia, sendo 11 alunos da creche e 4 funcionários

Foto: TV Vitória

Subiu para 15 o número de pessoas que passaram mal devido ao surto de diarreia em uma creche localizada na Praia da Costa, em Vila Velha. O caso mais recente a ser registrado é de um bebê, de apenas 7 meses, que apresentou os sintomas da contaminação. Outras quatro crianças permanecem internadas.

Segundo a Secretaria de Saúde de Vila Velha, o bebê está em casa sendo monitorado pela família. A prefeitura do município também acompanha o caso. Atualmente, já são 15 pessoas que passaram mal com sintomas de diarreia, sendo 11 alunos da creche e 4 funcionários.

Na manhã desta segunda-feira (01) não havia movimentação em frente à creche. A unidade de ensino segue interditada. Na última sexta-feira (29), a prefeitura determinou o fechamento da cervejaria irregular que funcionava nos fundos do local, com a retirada dos equipamentos. Por este motivo, durante esta semana, uma equipe da Vigilância Sanitária deve retornar ao local para verificar se as determinações foram cumpridas.

Além disso, a equipe vai verificar o projeto hidrológico das construções do terreno, para checar o encanamento do local. O objetivo, segundo a prefeitura, é verificar se há ligações comuns entre a creche e a cervejaria. O Conselho Regional de Química também deve realizar uma fiscalização no local.

Quatro crianças seguem internadas. após quase semana de internação na Unidade de Tratamento Intensivo (UTIN), o menino de três anos, que está em um hospital particular de Vitória foi transferido para o quarto. A menina de dois anos, que está internada em um hospital da Serra, apresentou melhoras durante o fim de semana.

Também está internado em um hospital da capital um menino de um ano e a quarta criança está internada em uma unidade hospitalar de Vila Velha. Sobre esses dois casos, a Comunicação da Prefeitura informou que ainda não tem as informações sobre o estado de saúde dos pacientes e que novos boletins com atualizações devem ser divulgados na tarde desta segunda.