Espírito Santo começa a vacinar professores de 50 a 59 anos contra a covid-19 na próxima semana

Geral

Espírito Santo começa a vacinar professores de 50 a 59 anos contra a covid-19 na próxima semana

Estado adiantou a vacinação desse grupo e também dos profissionais da Segurança Pública, utilizando 5% das doses da reserva técnica

Foto: Reprodução/Facebook

A partir da próxima segunda-feira (19),  mais uma categoria profissional será vacinada contra a covid-19 no Espírito Santo. A partir de agora, os profissionais da área de Educação, que têm entre 50 e 59 anos, passam a receber a primeira dose dos imunizantes. No total, 7.600 profissionais nesta faixa etária devem ser imunizados no Estado.

A vacinação do grupo começou durante um ato simbólico na manhã desta quinta-feira (15), quando seis professores foram vacinados no Palácio Anchieta, em Vitória. O evento contou com a participação do governador Renato Casagrande e diversos órgãos representantes da categoria. O Espírito Santo adiantou a vacinação desse grupo e também a dos profissionais de Segurança Pública, utilizando 5% das doses da reserva técnica da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

Durante o evento, o governador destacou que o comitê foi organizado para que haja a definição de quais serão os profissionais a receberem as primeiras doses. De início, cerca de 5 mil doses serão destinadas aos professores da faixa entre 50 a 59 anos. "Vamos seguindo a ordem, começando pelos professores, até chegar aos profissionais de 20 anos de idade. Posteriormente, outros profissionais da área serão imunizados", disse.

Casagrande ainda ressaltou que há o desejo de imunizar muitos profissionais de outras áreas, mas não há doses suficientes no momento. "Queremos mais vacinas para imunizar outros profissionais. Debatemos com o Sindicato dos Rodoviários, pois tem uma demanda deles. Há também o pedido do pessoal da limpeza pública. Mas não temos doses suficientes ainda. É o Ministério da Saúde que define a ordem de vacinação", afirmou.

Ele ainda comentou sobre a compra de doses pelo governo do Estado. "Toda a vacina que chega, a gente distribui, imediatamente, aos municípios. Estamos querendo comprar doses, mas ainda não encontramos fornecedores. Se a gente encontrar, vamos comprar. Estamos torcendo para que os contratos do governo federal sejam cada vez em maior número para salvarmos vidas no Espírito Santo".

O secretário de Educação, Vitor de Angelo, explicou como se dará o andamento da imunização dos profissionais da área. "Vacinaremos todos os trabalhadores da Educação, não apenas professores. A partir da semana que vem, começaremos a vacinação em massa, sempre na faixa etária descendente. Depois dos professores, teremos os professores de ensino superior e, depois, os demais trabalhadores".

Veja como foi o evento:

Ao todo, serão imunizados mais de 51 mil trabalhadores da educação, incluindo creches, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizante e Educação de Jovens e Adultos (EJA), além de mais de 14 mil trabalhadores do ensino superior.

A produção da TV Vitória/Record TV entrou em contato com as prefeituras da Grande Vitória para saber como será o esquema de vacinação aos profissionais de educação em cada cidade. Elas, no entanto, informaram que ainda aguardam informações da Sesa para abrir o agendamento.

Os profissionais da segurança pública, por sua vez, já começaram a ser vacinados no último dia 6, antes da data inicialmente prevista.