Líder republicano no Senado cria comitê para produzir novo projeto de saúde

Geral

Líder republicano no Senado cria comitê para produzir novo projeto de saúde

Redação Folha Vitória

Washington - Após muito esforço, os líderes republicanos da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos conseguiram aprovar a reforma no sistema de saúde do país na semana passada. No entanto, o processo não deve ser menos complicado no Senado. Nesta segunda-feira, o líder republicano na Casa, Mitch McConnell, iniciou o processo para produzir um novo projeto de lei de reforma na saúde.

Senadores republicanos já deixaram claro que sua medida será diferente da aprovada na Câmara, o que atraiu duras críticas por parte dos democratas, que veem isso como uma via para tentar ganhar uma maioria na Câmara nas eleições de 2018. "Esse processo não será rápido, simples ou fácil, mas deve ser feito", disse McConnell nesta sexta-feira.

12 senadores republicanos ficaram encarregados de produzir, de forma privada, o projeto de lei que deve passar no Senado. Os republicanos controlam a Casa, com 52 membros. Já os democratas estão praticamente certos de se oporem de forma unânime ao esforço republicano para revogar grande parte do Ato de Cuidado Acessível, que ficou conhecido como Obamacare. Para aprovar o projeto de lei, McConnell precisará de pelo menos 50 votos. Fonte: Associated Press.