EUA recuam de sanções contra Pyongyang diante de progresso por cúpula bilateral

Geral

EUA recuam de sanções contra Pyongyang diante de progresso por cúpula bilateral

Redação Folha Vitória

Os Estados Unidos decidiram desistir de implementar um novo pacote de sanções contra a Coreia do Norte à medida que reacende a possibilidade de uma cúpula entre o presidente Donald Trump e o ditador norte-coreano, Kim Jong-un, no próximo mês.

A Casa Branca se preparava para anunciar a imposição de novas sanções contra o regime norte-coreano amanhã, mas decidiu nesta segunda-feira postergar indefinidamente as medidas ao mesmo tempo que Pyongyang sinaliza querer manter o diálogo com os EUA.

Nesta segunda-feira, diplomatas do governo dos Estados Unidos vão se encontrar com seus pares norte-coreanos na vila de Panmunjom, centro das discussões intercoreanas, em um esforço para reagendar a cúpula entre Kim e Trump.

No sábado, os líderes das Coreias tiveram um encontro de surpresa em Panmunjom, no qual a desnuclearização esteve em pauta.

No encontro do final de semana, Kim agradeceu ao presidente sul-coreano, Moon Jae-in, pelos esforços em levar adiante a cúpula entre Coreia do Norte e Estados Unidos planejada para 12 de junho e expressou seu "firme desejo" pela reunião histórica com os americanos.

De acordo com fontes do governo americano, o Departamento do Tesouro planejava tomar as medidas contra 36 alvos, incluindo entidades da Rússia e da China. Fonte: Dow Jones Newswires.