• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Manifestantes fazem carreata com 'buzinaço' pelas ruas da Grande Vitória

Paralisação dos caminhoneiros

Geral

Manifestantes fazem carreata com 'buzinaço' pelas ruas da Grande Vitória

O ato, que acontece em forma de carreata, reúne motocicletas e caminhões favoráveis ao movimento de caminhoneiros realizado em todo o Brasil

Breno Ribeiro

Redação Folha Vitória

Um grupo de manifestantes percorre as ruas da Grande Vitória na tarde desta segunda-feira (28). O ato, que acontece em forma de carreata, reúne motocicletas e caminhões, conduzidos por pessoas favoráveis ao movimento de caminhoneiros realizado em todo o Brasil desde o último dia 21 de maio.

De acordo com a Central de Videomonitoramento de Vitória, o grupo chegou à capital por meio da Segunda Ponte. Eles seguem pela cidade na direção norte. Os manifestantes fazem 'buzinaço' e levam bandeiras do Brasil pregadas nos veículos.

Veja a situação do trânsito em tempo real!

A paralisação dos caminhoneiros teve início na segunda-feira (21). Uma das principais reclamações é alta do preço dos combustíveis, mas para as pessoas que resolveram expressar o apoio ao movimento, a causa é muito maior.

Manifestações na GV

O último domingo (27) na Região Metropolitana do Espírito Santo foi marcado por manifestações em apoio ao movimento paredista de caminhoneiros. Foram registrados protestos nos municípios de Vila Velha, Vitória, Cariacica e Viana.

Em Vila Velha, a manifestação aconteceu durante todo o dia. O protesto, que ocorreu em forma de carreata, teve início no Parque da Prainha. Os manifestantes passaram pela avenida Luciano das Neves, Rodovia do Sol, Darly Santos e seguiram sentido avenida Lindenberg até chegarem na Segunda Ponte. Houve 'buzinaço' durante o movimento.

Em Vitória, de acordo com a Central de Videomonitoramento da Guarda Municipal, os manifestantes se concentraram na Praça do Papa por volta das 17h. Às 18h40 o grupo encerrou o movimento e começou a se dispersar.

Durante a manhã, teve pedalaço e motociata. Foram mais de 200 motociclistas, apoiados por dois caminhões, que seguiram pela BR 262 de Cariacica a Viana. Eles se reuniram em frente ao Estádio Kleber Andrade. O objetivo da motociata foi uma demonstração de apoio ao movimento dos caminhoneiros.

Durante a manhã, teve pedalaço e motociata. Foram mais de 200 motociclistas, apoiados por dois caminhões, que seguiram pela BR 262 de Cariacica a Viana. Eles se reuniram em frente ao Estádio Kleber Andrade. O objetivo da motociata foi uma demonstração de apoio ao movimento dos caminhoneiros.

Multa

O Governo do Espírito Santo vai começar a aplicar, nesta segunda-feira (28), multas para caminhoneiros e manifestantes que impedirem a liberação de cargas essenciais para serviços e para a vida humana nas rodovias que cortam o Espírito Santo.

A medida foi anunciada durante coletiva de imprensa, neste domingo (27), com a presença do governador do Espírito Santo, Paulo Hartung, o secretário de Estado da Segurança Pública, Nylton Rodrigues, o Secretário da Fazenda Bruno Funchal e demais autoridades presentes.

A multa, cujo valor é de R$ 20 mil, foi permitida após uma liminar concedida pela Justiça.