Atleta baleado durante assalto no Transcol tem sangramento e volta a ser sedado

Geral

Atleta baleado durante assalto no Transcol tem sangramento e volta a ser sedado

Segundo a mãe de Raphael Casagrande, os médicos começaram a tirar a sedação do rapaz na quinta-feira, mas ele teve de voltar ao coma induzido após uma nova cirurgia

Raphael segue internado após ser baleado durante assalto Foto: Reprodução Facebook

O estudante e jogador de futebol americano, Raphael Casagrande, de 20 anos, que foi baleado durante um assalto a um ônibus, na última segunda-feira (01), em Cariacica, voltou a ser sedado na quinta-feira (04), após apresentar um sangramento no pulmão. A informação é da mãe do rapaz, Valdirene Casagrande, que acompanha de perto o filho no Hospital Meridional.

Segundo Valdirene, os médicos começaram a retirar a sedação de Raphael na manhã de quinta. No entanto, como surgiu o sangramento, ele precisou ser levado para o centro cirúrgico e voltou ao coma induzido.

"Os médicos fizeram uma drenagem no local e ele precisou receber mais sangue. Agora os médicos devem diminuir a sedação mais lentamente para que ele não fique muito agitado. Ele está se recuperando bem, continua estável e na segunda-feira talvez possa sair da sedação", disse a mãe.

Após sair do centro cirúrgico, Raphael voltou para a UTI, onde continua respirando com a ajuda de aparelhos. Segundo o último boletim médico divulgado pelo hospital, o rapaz segue em estado grave e em coma induzido.

O crime

Raphael voltava para casa, na noite da última segunda-feira, após sair da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), onde cursa Educação Física. Já perto de casa, no bairro Bela Aurora, dois bandidos anunciaram um assalto em um ônibus da linha 740 (Terminal de Jardim América - Vista Mar). A vítima foi atingida com um tiro no peito, que perfurou um de seus pulmões.

Câmeras de videomonitoramento registraram a ação dos criminosos e podem ajudar a polícia a localizar os criminosos, que continuam foragidos. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Crimes Contra o Transporte de Passageiros e Cargas.