• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chuvas reduzem onda de calor no Paquistão, onde mais de 800 pessoas já morreram

Geral

Chuvas reduzem onda de calor no Paquistão, onde mais de 800 pessoas já morreram

Karachi, Paquistão - Ventos vindos do mar e chuvas trouxeram os primeiros sinais de trégua na cidade de Karachi, no sul do Paquistão, nesta quarta-feira, onde o número de mortes causadas por uma forte onda de calor subiu para 838, de acordo com autoridades. Apesar da trégua, o número ainda pode subir nos próximos dias, pois muitas pessoas encontram-se em estado crítico de desidratação.

As altas temperaturas em Karachi, a cidade mais populosa do país, caiu para 34ºC, disse o meteorologista Abdur Rasheed. Mohammad Sabir, um dos líderes do governo afirmou que o exército tem fornecido assistência médica para as vítimas e acrescentou que o país poderá enfrentar ciclones por causa da mudança climática.

A queda na temperatura provavelmente marcou o fim da onda de calor que começou no domingo. De acordo com hospitais da região, as internações foram menores nesta quarta-feira do que nos dias anteriores, quando doentes desidratados lotaram os corredores e as ruas.

O porto da cidade tem sido o epicentro da onda de calor, com temperaturas chegando a 45ºC. Além disso, há relatos de longas horas de quedas de energia, pouca água corrente e a maioria

das pessoas estão em jejum por causa do mês sagrado do Ramadã, o que piorou a ainda mais a situação. Fonte: Associated Press.