Baleias chegam ao litoral capixaba e temporada de observação começa em julho

Geral

Baleias chegam ao litoral capixaba e temporada de observação começa em julho

A temporada das jubarte, que começou oficialmente no início de junho, segue até o mês de novembro

Gustavo Fernando

Redação Folha Vitória
      A temporada turística deve começar na primeira semana de julho | Foto: Amigos da Jubarte

O litoral capixaba já começa a receber as primeiras baleias jubarte. Famosas pelos seus saltos, alguns animais já foram avistados no último fim de semana por membros do Instituto Baleias Jubarte a cerca de 25 milhas náuticas da costa de Vitória.

A temporada das jubarte, que começou oficialmente no início de junho, segue até o mês de novembro. Segundo o Coordenador Executivo do Projeto Amigos da Jubarte, o ambientalista Thiago Ferrari, pesquisadores já realizaram três expedições para verificar a chegada nos animais.  

Thiago também ressalta que a temporada turística deve começar na primeira semana de julho, logo após uma capacitação para agências do Estado. 

Turismo ecológico 

Cada passeio ecológico para avistamento das baleias pode durar, em média, cerca de cinco horas (entre ida e volta), com até três horas para contemplação das espécies. Além disso, a maior concentração das baleias jubarte fica a cerca de 20 milhas de Vitória, algo em torno de 45 minutos da capital. 

Para participar, os interessados devem procurar as operadoras de turismo náutico da capital, que possuem embarcações e equipes de acompanhamento credenciados para a finalidade. A saída depende da situação meteorológica e pode ocorrer de não haver visualização de baleias.

Vitória possui algumas agências turísticas capacitadas para o passeio | Foto: Amigos da Jubarte

Além das jubartes, outros cetáceos também podem ser observados, como o boto-cinza (mais comum na costa), golfinho pintado-do-atlântico, golfinho pan-tropical, baleia minke e cachalote (mais raros).

Os passeios, além do viés turístico, sempre contam com a presença de um membro do Instituto Baleias Jubarte. O pesquisador, além de verificar o cumprimento das normas e técnicas de observação, regidas pelo Ibama, também realiza a coleta de dados e observação científica dos animais. 

Para quem se interessou pelo passeio, o projeto Amigos da Jubarte possui uma lista de agências de turismo certificadas em seu site.

Economia

A observação de baleias gera novos negócios e atrai visitantes que queiram ver os cetáceos. De acordo com o Anuário Estatístico do Turismo de Vitória 2016, turistas de observação de baleias e que também procuram a capital para a prática da pesca oceânica deixaram em receita na cidade um montante apurado no valor de R$ 818.300,00.