• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

VÍDEO| Capixaba relata momentos de terror durante forte terremoto no México

Geral

VÍDEO| Capixaba relata momentos de terror durante forte terremoto no México

Roberta Pereira Ferro, de 26 anos, mora na Cidade do México há cerca de um ano, e disse que essa foi a primeira vez que viu um tremor desta magnitude

Gustavo Fernando

Redação Folha Vitória

Uma capixaba vivenciou momentos de medo e tensão durante um forte terremoto que atingiu as regiões sul e central do México na manhã desta terça-feira (23). Roberta Pereira Ferro, de 26 anos, mora na Cidade do México há cerca de um ano, e apesar de já ter sentido um tremor de terra em outra oportunidade, ela relata que o forte terremoto desta manhã, que atingiu 7,5 graus na escala Richter, foi apavorante.

Apesar de não ter sofrido danos físicos, certamente o psicológico da vendedora internacional teve um dano considerável e que pode ser notado nas palavras ainda sentidas quando lembra a sensação vivida nesta manhã.

"Era mais ou menos 10h50 no horário local quando começou. Eu estava em uma reunião por Skype, já que parte da população está em quarentena, em razão da pandemia do novo coronavírus. De repente, tudo começou a mexer. Quadros, luminárias. Tudo se mexia. A sensação era de que o prédio era feito de borracha e que poderia cair a qualquer momento", relata.

Foto: Reprodução/ Twitter

Segundo Roberta, assim que o terremoto começou ela correu para a rua, seguindo o protocolo comumente divulgado pelo governo local. Assim que chegou na rua, centenas de vizinhos já estavam fazendo o mesmo trajeto. Apesar do susto, ninguém se feriu, mas um pequeno prédio próximo da região onde mora acabou desabando. Até o momento, não há informações oficiais sobre feridos.

Agora Roberta vive o medo de possíveis replicas a qualquer momento, isto é, pequenos terremotos que acontecem após um tremor desta magnitude. "Seguindo as recomendações das autoridades, separei uma bolsa com uma peça de roupa e meus documentos . Qualquer novo tremor tenho que correr novamente. Foi uma sensação apavorante, e que não quero vivenciar nunca mais". 

Logo após o forte tremor, a Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA), dos Estados Unidos, divulgou um comunicado sobre a possibilidade de tsunami para o México, Guatemala, El Salvador e Honduras.