Fortes bombardeios atingem Damasco antes da chegada de ministro do Irã

Geral

Fortes bombardeios atingem Damasco antes da chegada de ministro do Irã

Redação Folha Vitória

Damasco - Fortes bombardeios entre rebeldes e ataques aéreos das forças do governo ao redor de Damasco, capital da Síria, nesta quarta-feira matou ao menos 36 pessoas e feriu outras centenas em meio a um aumento da violência, poucas horas antes da chegada do ministro de Relações Exteriores do Irã, Mohammed Javad Zarif.

Estava programado para Zarif chegar em Damasco no final da tarde para discutir uma proposta de plano de paz de quatro pontos que o Irã quer oferecer aos Estados Unidos para terminar com a guerra civil na Síria. Esse plano inclui declaradamente um cessar-fogo e um "governo de unidade nacional", mas que provavelmente não irá gerar trégua em um conflito que já matou mais de 250 mil pessoas desde março de 2011.

O bombardeio rebelde começou no início da manhã em Damasco, incluindo bairros de classe alta como Abu Rummaneh, Baramkeh e Qasaa, de acordo com o Observatório Sírio para Direitos Humanos com base na Grã-Bretanha. Fonte: Associated Press.