Suicida ataca comboio da Otan no Afeganistão e deixa mortos

Geral

Suicida ataca comboio da Otan no Afeganistão e deixa mortos

Redação Folha Vitória

Kandahar - Um ataque suicida contra um comboio da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) perto da cidade de Kandahar, no sul do Afeganistão, deixou mortos, segundo as Forças Armadas dos Estados Unidos. O número de mortos ainda não foi divulgado pela aliança. Segundo o Taleban, que assumiu a responsabilidade pela ação, 15 soldados estrangeiros foram mortos. Os insurgentes, porém, frequentemente exageram esses números.

Porta-voz dos militares dos EUA, Damien E. Horvath disse que não podia divulgar o número de mortos nem suas nacionalidades. A missão da Otan confirmou apenas o ataque na região de Kandahar e que houve baixas. Um porta-voz da polícia de Kandahar também confirmou o ataque.

Os EUA e a Otan somados têm atualmente no Afeganistão cerca de 13.500 soldados. O governo do presidente Donald Trump decide se enviará cerca de 4 mil ou mesmo mais homens para o Afeganistão, a fim de conter os avanços do Taleban.

Porta-voz do Taleban, Qari Yusuf Ahmadi disse que o ataque foi contra dois tanques blindados, que foram destruídos. Ahmadi identificou o suicida como o membro do grupo Asadullah Kandahari, que fez o ataque com uma pequena picape cheia de explosivos. Fonte: Associated Press.

Pontos moeda