Pai de bebê que caiu de carro em Vitória assina termo e é liberado

Geral

Pai de bebê que caiu de carro em Vitória assina termo e é liberado

A criança teve ferimentos leves e foi encaminhada para um hospital. Segundo a Polícia Civil, houve negligência do pai

Foto: Reprodução/TV Vitória

O homem de 27 anos, pai da criança de 1 ano e seis mesesque caiu da janela de um carro, foi liberado após assinar um termo circunstanciado na delegacia. 

Segundo a Polícia Civil, durante as oitivas, foi constatado que o pai da criança estava com o carro estacionado em frente a um bar e, durante um momento de negligência, deixou o bebê cair para fora do automóvel, fazendo com que ela sofresse escoriações e arranhões nos joelhos.

Um termo circunstanciado por lesão corporal culposa foi assinado pelo responsável e ele foi liberado após assumir o compromisso de comparecer em juízo.

O caso aconteceu na noite desta quarta-feira (11), na avenida Leitão da Silva, em Vitória, na altura do bairro Gurigica. Segundo testemunhas, a mãe da criança estava no bar, em frente ao local do fato.

Quem presenciou a cena contou que, depois de cair no chão, a criança quase foi atropelada por um outro carro que também passava pela via. A motorista de um outro veículo chamou a polícia.

Segundo os militares que atenderam a ocorrência, o pai da criança estava embriagado. Depois de ser colocado no cofre da viatura, ele teria dito que queria morrer e levar todo mundo junto.

Segundo um funcionário do bar onde estava a mãe, a mulher, de 32 anos, foi alertada pelos outros clientes de que a criança ferida no chão era o filho dela.

De acordo com a polícia, o menino foi levado para o Pronto-Socorro do Hospital Infantil de Vitória. Os ferimentos foram leves e ele precisou apenas ficar em observação.

O pai da criança foi conduzido para a Delegacia Regional. Na manhã desta sexta-feira (12), o homem estava na casa da família, no bairro. Mas a esposa e a criança não estavam lá.

*Com informações da repórter Fernanda Batista, da TV Vitória/Record TV