Número de civis mortos e feridos dobra no leste da Ucrânia

Geral

Número de civis mortos e feridos dobra no leste da Ucrânia

Redação Folha Vitória

Genebra - O número de civis mortos e feridos nos conflitos do leste da Ucrânia mais que dobrou no período de três meses encerrados na metade de agosto, de acordo com agência da Organização das Nações Unidas para Direitos Humanos. A maioria das mortes ocorreu em áreas dominadas por rebeldes.

De acordo com a agência, 105 civis foram mortos e 308 foram feridos entre a metade de maio e a metade de agosto. Entre fevereiro e abril, foram mais de 60 mortos e 102 feridos. A organização afirmou que a capacidade dos pesquisadores para conduzir as pesquisas era muito limitada nas estimativas anteriores.

Em relatório, a agência informa que 67 mortes ocorreram em áreas controladas por rebeldes e pelo menos 7.962 pessoas morreram no conflito desde que os combates eclodiram entre as forças do governo de Kiev e os rebeldes pró-Rússia, em abril do ano passado.

O relatório também mostrou a ausência de ofensivas em grande escala desde o cessar-fogo em fevereiro, mas considerou que a retirada de armamentos pesados da "linha de contado" não foi totalmente realizada. Fonte: Associated Press.