Líderes republicanos no Senado irão unir teto da dívida com pacote do Harvey

Geral

Líderes republicanos no Senado irão unir teto da dívida com pacote do Harvey

Redação Folha Vitória

Washington - Líderes republicanos do Senado dos Estados Unidos indicaram hoje que vão atrelar o aumento do limite de empréstimo do país à lei de gastos para as vítimas da tempestade Harvey, em um movimento que deve aumentar as chances de a lei do teto da dívida ultrapassar o prazo no fim deste mês.

Encarando uma lista de leis que devem passar neste mês, os legisladores no Capitólio esperam aprovar rapidamente uma medida inicial para fornecer US$ 7,95 bilhões em ajuda emergencial para o Harvey, que atingiu o sul do país no fim de agosto.

O pacote de ajuda tem pouca oposição no Congresso e deve ser votado amanhã na Câmara. Mas a votação pode se tornar mais controversa no Senado, onde os republicanos indicaram que pretendem anexar a medida ao aumento do teto da dívida.

O secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, pediu para os legisladores aumentem o teto da dívida até o final deste mês para garantir que o governo tenha dinheiro para evitar um default.

O líder do maioria no Senado, Mitch McConnell, disse que está agindo para entregar as prioridades de Trump de fornecer alívio às vítimas do Harvey, evitar um default e a paralisação do governo quando o atual financiamento expirar no dia 1º de outubro.

O vice-líder republicano John Cornyn disse mais tarde a jornalistas que McConnell tomou a decisão de adicionar o aumento do teto da dívida ao pacote de emergência para o Harvey. Fonte: Dow Jones Newswires.