ONU não atingiu seu potencial nos últimos anos, diz Trump

Geral

ONU não atingiu seu potencial nos últimos anos, diz Trump

Redação Folha Vitória

São Paulo - Os Estados Unidos lideraram uma reunião sobre reformas na Organização das Nações Unidas (ONU), em meio ao começo da Assembleia Geral, que deve reunir diversas lideranças do mundo em Nova York.

O presidente americano, Donald Trump, e a embaixadora dos EUA na ONU, Nikki Haley, participaram conjuntamente da reunião. Ao lado do secretário-geral da ONU, o português António Guterres, o republicano declarou que a organização não atingiu seu potencial nos últimos anos devido ao "excesso de burocracia" e que a ONU deve responsabilizar todos os níveis de administração da instituição.

Haley declarou que 128 Estados-membros da ONU assinaram a resolução, encabeçada pelos EUA, por reformas na organização e pediu para que todos os países assinem o documento.

Já Guterres encerrou a breve reunião declarando que os Estados-membros deve mudar a forma como operam e que a ONU precisa ser "flexível e eficiente".