Fortes chuvas em Santa Catarina fecham Porto de Itajaí

Geral

Fortes chuvas em Santa Catarina fecham Porto de Itajaí

Redação Folha Vitória

Florianópolis - O Porto de Itajaí, em Santa Catarina, o segundo mais importante do Brasil, está fechado. Os temporais que afetam o Estado desde quinta-feira passada elevaram o nível do rio Itajaí-Açú e as fortes correntezas se tornaram um risco para os navios. Cinco embarcações e um rebocador aguardam liberação para atracar no porto. As chuvas prejudicaram 4,3 mil catarinenses. Os estragos já atingem 31 municípios, quase 900 pessoas foram desalojadas de suas casas pela Defesa Civil, entre elas, 300 estão desabrigadas.

De acordo com informações do Porto de Itajaí, somente a saída de navios está permitida, mesmo assim, apenas durante o dia e quando a maré ainda não está cheia. A preocupação se deve ao fato de a correnteza estar em quatro nós, duas vezes acima do permitido. Uma nova avaliação será feita na manhã desta terça-feira, 13. Até lá, as embarcações ficarão ancoradas e a passagem pelo canal estará permitida apenas aos pequenos barcos de pesca.

Além do Itajaí-Açú, responsável pelas grandes enchentes de Blumenau em 2008 e 2011, que transbordou em Rio do Sul deixando 130 desabrigados na sexta-feira, outros rios verteram, como o Água Verde, em Canoinhas, no Norte do Estado, o rio Cahará, em Lages, na Serra, já os rios em Mafra, Três Barras e Rio Negrinho estão em estado de alerta, já que os níveis estão muito elevados.

Na tarde desta segunda, 21, as chuvas deram uma trégua, mas a previsão da central meteorológica de Santa Catarina Epagri/Ciram é que uma nova frente fria, que irá se alojar no Estado nesta terça, 13, causará mais uma semana de chuvas. Os principais rios do Estado são medidos diariamente pela Defesa Civil desde que o risco de enchentes se tornou uma possibilidade concreta.