Líder do Hezbollah saúda "intifada" palestina

Geral

Líder do Hezbollah saúda "intifada" palestina

Redação Folha Vitória

Jerusalém - O líder do grupo xiita Hezbollah do Líbano, Hassan Nasrallah, definiu as manifestações violentas em Israel de uma "intifada renovada" e as descreveu como a esperança de salvação para os palestinos. Em comentários transmitidos no domingo, ele disse que a onda de ataques contra israelenses foi realizada por uma "nova geração" de palestinos que acreditam em "resistência" e que devem ser apoiados por todos na região.

Agressores palestinos têm esfaqueado israelenses quase diariamente e os ataques se espalharam de Jerusalém para outras partes do país. No mês passado, oito israelenses foram mortos em ataques palestinos, a maioria deles a facadas. Nesse tempo, 40 palestinos foram mortos por fogo israelense, incluindo 19 pessoas rotuladas por Israel como agressores, e o resto em confrontos com tropas israelenses.

"É responsabilidade de todos para apoiá-la e ajudá-la, cada um com as suas próprias capacidades, habilidades e circunstâncias", disse Nasrallah. Israel e o Hezbollah travaram uma guerra de um mês em 2006. Eles permanecem inimigos. Fonte: Associated Press.