• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Número de mortes confirmadas na Riviera sobe para 16; há 3 desaparecidos

Geral

Número de mortes confirmadas na Riviera sobe para 16; há 3 desaparecidos

- Antibes, 04/10/2015 - O número de mortes confirmadas durante as fortes chuvas que caíram na Riviera francesa subiu para 16, segundo autoridades francesas. Os corpos das vítimas foram encontrados mortos em uma casa de repouso, parques de acampamento e em carros submersos em um túnel. Há três pessoas desaparecidas.

Helicópteros patrulhavam a região para procurar outras vítimas das inundações. Cerca de 27 mil casas estavam sem eletricidade neste domingo, depois que o rio Brague transbordou com as tempestades ferozes, que derramaram mais de 18 centímetros de chuva na região de Cannes em duas horas, na noite de ontem. Isto é o equivalente a dois meses de chuvas para a região, segundo uma rádio local. O tráfego de carros e trens foi interrompido ao longo da costa do Mediterrâneo.

O presidente da França, François Hollande, foi até o local e expressou condolências, enquanto visitava o lar de idosos que foi atingido pelas enchentes. Ele pediu aos moradores que tenham cuidado, especialmente em estradas das região, muitas das quais permanecem intransitáveis. Ele também prometeu ajuda aos moradores afetados pela inundação e lamentou os danos sofridos pelas lojas locais e outras empresas.

Em comunicado, Hollande disse em um comunicado que as pessoas foram encontradas mortas nas cidades de Cannes, Biot, Golfe-Juan e Mandelieu-la-Napoule, no sudeste do país, região próxima à fronteira com a Itália. E o Ministério do Interior afirmou, também em comunicado, que "havia pouca esperança" em encontrar vivas as pessoas desaparecidas.

Vários trens foram parados por causa dos trilhos inundados, e o tráfego permaneceu parado ao longo da costa do Mediterrâneo, entre Nice e Toulon, na manhã de hoje, de acordo com a autoridade ferroviária SNCF. Várias estradas da região foram fechadas, inclusive as que levam a Cannes, cidade mais atingida pela tempestade atingida. Fonte: Associated Press