• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

OMS alerta para o consumo de salsicha e presunto e o desenvolvimento de câncer

Geral

OMS alerta para o consumo de salsicha e presunto e o desenvolvimento de câncer

Londres - Alguns tipos de carnes processadas, como salsichas, presunto e linguiças, estão na lista de alimentos que podem ser cancerígenos. Estudo da Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgado nesta segunda-feira, 26, mostrou que o consumo de 50 gramas destes itens diariamente aumenta o risco de câncer no intestino grosso e reto em 18%.

O estudo da OMS cita ainda o "biltong (um tipo de carne seca curada) e o beef jerky (carne salgada e dessecada), assim como carne enlatada e preparados e molhos com base em carne".

Os alimentos que podem gerar risco, porém, não são limitados à lista, diz a OMS. O estudo diz que carne processada se refere a toda proteína que é transformada em métodos de "salga, secagem, fermentação, defumo ou outros processos para realçar o sabor ou melhorar a conservação". O estudo não cita, mas o bacon e o charque são alimentos que passam por esse tipo de procedimento antes de chegar à mesa do consumidor.

A OMS explica que a maioria dos produtos que leva o título de processado contém carne bovina ou suína, mas também podem conter "outros tipos de carne vermelhas, aves, vísceras ou subprodutos como o sangue".

No material distribuído à imprensa, a OMS cita que "métodos de cozimento em alta temperatura podem gerar compostos que podem contribuir para o risco cancerígeno, mas seu papel ainda não está totalmente compreendido". Além disso, a entidade lembra que esse tipo de consumo pode gerar outros riscos à saúde, como infecções.