Geral

Confira algumas dicas para driblar a ansiedade durante a prova do Enem

Cinco milhões de estudantes estão inscritos para fazer o Enem 2019. No Espírito Santo, são 102 mil

Foto: Divulgação

A prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano será aplicada nos dias 03 e 10 de novembro. Com a aproximação do vestibular, é comum que os estudantes fiquem ansiosos, mas existem meios de se preparar para que o nervosismo não prejudique o desempenho. 

Para a estudante Vitória Schimit, de 20 anos, que está fazendo o Enem pela quarta vez, o estudante deve participar desse tipo de prova para ficar preparado. "Com o passar do tempo que a gente vai fazendo o Enem, conseguimos desenvolver mais 'malícia' para as provas e ficar ligada em algumas questões, mas a ansiedade é sempre a mesma", disse. 

De acordo com professores de uma escola particular da Grande Vitória, especializada em preparação para o Enem, já não há mais conteúdo novo a ser dado e essas últimas semanas devem ser dedicadas a revisão, esclarecimento de dúvidas e prática de exercícios. 

O professor Alexandre Borges orienta sobre os principais assuntos. "A dica que eu tenho é estar sempre revendo as provas anteriores do Enem. Na Química, por exemplo, é importante valorizar as questões ambientais, como aquecimento global, chuva ácida, destruição da acamada de ozônio, tratamento de esgoto, lixo. E a parte de termoquímica, calor de combustão, essas coisas são muito dadas no Enem". 

Ainda segundo Borges, o nervosismo é comum, independente se já fez vestibular uma vez, duas vezes, ou mais vezes. O recomendável é que o aluno não estude mais nessa reta final e aproveite o tempo para relaxar antes da prova, para que não seja prejudicado pelo nervosismo. "Eu não recomendo se matar de estudar um dia antes, porque se você não aprendeu o ano inteiro, você não aprende tudo em um único dia. Temos que lembrar que somos seres humanos, então o descanso é essencial para fazer uma boa prova", afirmou. 

Cinco milhões de estudantes estão inscritos para fazerem o Enem 2019. No Espírito Santo, são 102 mil. 

Com informações do repórter Laércio Campos, da TV Vitória/ Record TV!

Pontos moeda