Geral

Corpo de jovem que morreu após usar 'droga mexicana' em festa rave é sepultado nesta terça-feira

Filippe estava hospitalizado desde o último dia 13

Foto: Reprodução/Facebook

O corpo do jovem Filippe Siqueira, de 24 anos, que morreu depois de consumir a droga mexicana conhecida como "mescalina", será sepultado nesta terça-feira (22). A vítima sofreu complicações e teria chegado ao Hospital Antônio Bezerra de Faria (HABF), em Vila Velha, em estado grave. 

Filippe Siqueira estava hospitalizado desde o último dia 13. Ele estava em uma festa rave em Guarapari, quando, segundo a polícia, consumiu o entorpecente e passou mal. 

O rapaz não resistiu às complicações ocasionadas pela substância e morreu na tarde de segunda-feira (21). O corpo dele foi encaminhado ao Departamento Médico Legal (DML) de Vitória, onde foi reconhecido e liberado por familiares.

Outras vítimas

Além dele, outros dois jovens precisaram ser hospitalizados após consumir a droga, mas já receberam alta. Um deles prestou depoimento na Polícia Civil, na condição de vítima.

A Polícia Civil do Espírito Santo (PCES), segue em busca dos homens que comercializaram as drogas na festa rave. Os organizadores do evento, de acordo com a polícia, também serão intimados na delegacia para serem ouvidos. A festa não tinha autorização da Polícia Civil para acontecer.

Leia também: Jovem que passou mal após consumir droga em rave diz que comprou substância por meio de aplicativo de mensagem

Segundo o jovem, ele teria ingerido um comprimido da substância psicoativa durante a festa e acabou desmaiando vinte minutos depois. Ele diz se lembrar apenas do momento em que acordou, já no hospital. No bolso da calça que usava ainda havia um outro comprimido da mesma droga. Porém, o rapaz diz não saber onde foi parar o material. A polícia busca pela amostra para poder fazer análise da substância.

'Droga mexicana'

Foto: Dilvulgação

A droga utilizada pelos jovens tem como base a substância mescalina, encontrada em um tipo de cacto. De acordo com o delegado, tanto a droga quanto o seu efeito eram desconhecidos pela polícia até então. Outros dois jovens que foram internados também estão sendo investigados pela polícia. Um deles chegou ao hospital em estado gravíssimo.

Segundo a polícia, além do estudante de engenharia, um outra vítima também teria recebido alta. Resta agora apenas mais um, que continua internado no Hospital Antônio Bezerra de Faria (HABF), em Vila Velha. Outras possíveis vítimas que estavam na mesma festa estão sendo procuradas pela polícia. Coletas de algumas amostras para exame foram realizadas.

Leia também:

>> Jovem que usou 'droga mexicana' em rave de Guarapari diz que perdeu os sentidos 20 minutos depois do consumo

>> Jovem que passou mal após consumir droga em rave diz que comprou substância por meio de aplicativo de mensagem

>> 'Essa combinação é fatal', diz delegado sobre droga inédita no ES; três jovens foram internados após consumo em festa rave

Pontos moeda