Aplicativo ajuda a detectar risco de câncer de pele apenas com uma selfie

Geral

Aplicativo ajuda a detectar risco de câncer de pele apenas com uma selfie

Ao reconhecer a marca na pele através da foto tirada, o aplicativo oferece três opções: análise, armazenamento e envio a um médico especialista

O aplicativo analisa fator de risco em pintas e sardas Foto: Divulgação

Já imaginou se você pudesse detectar o risco de câncer através de uma selfie? Por mais estranho que pareça, a alta tecnologia de um aplicativo de celular já permite essa facilidade.  

O Skin Vision avalia o grau de risco de câncer ou melanoma nas pintas e sardas da pessoa através de fotos tiradas do smartphone. Ele fornece uma escala de risco, medida entre baixo, médio e alto, determinando então um potencial anormal de crescimento da pigmentação das pintas. 

Após baixar o aplicativo, o usuário deve escolher uma pinta ou sarda para fotografar. Ao reconhecer a marca, o aplicativo oferece três opções: análise, armazenamento e envio a um médico especialista. 

Primeiro, é preciso escolher a opção de análise e ver em qual risco está a pinta. É possível também ter acesso a informações mais específicas sobre o resultado. Depois, a foto pode ser arquivada em uma pasta especial com alguma nota que a pessoa queira escrever. Além disso, o usuário consegue mandar a foto por e-mail para um médico. 

A médica dermatologista Ana Flávia Moll explica que o uso do aplicativo é válido e que ele funciona como uma espécie de alerta para a pessoa saber que precisa procurar um especialista. 

"É importante lembrar que o aplicativo não dá um diagnóstico preciso ao paciente. Ele não confirma se uma pinta ou macha pode ser um câncer de pele, mas a avaliação que ele faz, ajuda a saber se é necessário procurar um médico ou se a mancha não oferece riscos", explica. 

O aplicativo está disponível para os usuários com sistema operacional Android e iOS.

Com informações do Portal R7.