• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Espírito Santo registra queda de 10% na taxa de detecção de Aids

Geral

Espírito Santo registra queda de 10% na taxa de detecção de Aids

A taxa de mortalidade, ou seja, mortes provocadas por complicações da doença, caiu em 19,6% entre 2014 e 2017

Foto: Divulgação/Sesa
Somente em 2017 foram registrados 1.255 novos casos de HIV/Aids no Espírito Santo

A taxa de detecção AIDS caiu 10% nos últimos cinco anos no Espírito Santo, segundo dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). Além disso, a taxa de mortalidade, ou seja, mortes provocadas por complicações em decorrência doença, caiu em 19,6% de 2014 a 2017. De acordo com a Sesa, esta redução se dá pela ampliação do acesso à testagem e pela redução do tempo entre o diagnóstico e o tratamento.

Dados da Sesa mostram que no Espírito Santo, entre 1985 até dezembro de 2017, foram notificados 14.470 casos de HIV/AIDS, sendo 9.599 no sexo masculino (66,3%) e 4.871 no sexo feminino (33,7%). Do total de casos, 11.980 pessoas fazem tratamento com antirretrovirais – medicamentos utilizados no tratamento do HIV.

De acordo com a coordenadora Estadual do Programa de Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) e Aids da Sesa, Sandra Fagundes Moreira, a maioria dos casos novos (70,8%) acontece por transmissão sexual do HIV, principalmente entre homens de 15 a 29 anos.

Somente em 2017 foram registrados 1.255 novos casos de HIV/Aids no Espírito Santo. O maior número de casos foi registrado entre os homens, totalizando 935 novos casos (74,5% do total de casos registrados no ano). Neste público, 458 casos foram registrados nos indivíduos entre 15 e 29 anos, um aumento de 43% se comparado ao ano de 2014, por exemplo, quando foram registrados 320 casos nessa faixa etária. Em 2018, até outubro, cerca de 800 novos casos da doença já foram notificados no Estado.

“A relação sexual desprotegida entre os jovens é a principal forma de contaminação, principalmente no sexo masculino. Quando a pessoa tem o diagnóstico precoce e inicia o tratamento imediatamente, é possível reduzir a transmissão sexual”, disse.

Ainda de acordo com Sandra, há 11.980 pessoas em tratamento no Estado. Deste total, 90% deles já estão com a carga viral indetectável. “A meta da Organização Mundial da Saúde (OMS) para o fim da epidemia do HIV é diagnosticar 90% das pessoas que sejam HIV positivo, e ter todas elas em tratamento com adesão, para que 90% destes estejam com carga viral indetectável (supressão viral, ou redução da circulação do vírus no sangue para menos de 1.000 cópias/mL), até o ano de 2020”, destacou.

Diagnóstico e tratamento

Descobrir precocemente se é infectado pelo vírus HIV permite o aumento da expectativa de vida da pessoa, pois com tratamento precoce não desenvolverá a doença. Por isso, é preciso realizar o teste de detecção do vírus com regularidade, buscar o tratamento imediatamente, ter adesão ao tratamento e seguir todas as recomendações médicas para se ganhar qualidade de vida.

O exame deve ser feito principalmente por pessoas que passaram por situações de risco, como ter mantido relações sexuais sem o uso de preservativos ou compartilhado seringas e agulhas, por exemplo.

O diagnóstico é feito a partir da coleta de sangue, e pode ser feito em laboratórios ou por testes rápidos. Esses testes são realizados gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), nas unidades de saúde e nos Centros de Testagem e Aconselhamento (CTA). Nos casos em que o resultado for positivo, a pessoa será encaminhada para tratamento e acompanhamento em um dos 26 Serviços de Atendimento Especializado (SAE) em HIV/Aids do Estado.

De acordo com Sandra Fagundes, a proposta é que para 2019, esses acompanhamentos sejam oferecidos também nas unidades da Rede Cuidar. “Nossa proposta é que a partir de 2019 esses atendimentos sejam feitos em SAE Regionais e também na Rede Cuidar. Também temos uma proposta de ampliar os serviços do CTA para todos os 78 municípios do Estado. Atualmente o serviço funciona em 44 municípios capixabas”, disse.

O tratamento para pessoas HIV positivo é realizado com o uso de antirretrovirais. Segundo Sandra, o HIV é uma doença crônica e, apesar do uso diário dos medicamentos (dois comprimidos uma vez por dia), eles permitem que o paciente recupere a sua qualidade de vida, retorne ao trabalho e desfrute de suas famílias, ampliando sua expectativa de vida.

Crianças

Assim como os adultos, as crianças também podem contrair o HIV através de sangue contaminado ou por abuso sexual ou por uso de drogas endovenosas, mas na maioria dos casos, a criança se infecta com o vírus da Aids através da mãe, isto é, durante a gravidez, no parto ou através da amamentação.

No Espírito Santo, entre 1992 e 2017, foram registrados 406 casos de crianças menores de 13 anos com Aids por transmissão vertical, sendo que 325 destes são em crianças menores de 5 anos.

No entanto, nos últimos sete anos, a ocorrência de casos de Aids por transmissão vertical em crianças menores de 5 anos, tem diminuído no Estado. Em 2010 foram 12 casos, em 2017 foram notificados quatro novos casos de crianças com Aids, por transmissão vertical (queda de 66,7%). Este número representa 0,1 casos/1.000 nascidos vivos. A taxa de incidência para que seja considerada eliminada a transmissão vertical do HIV é de menor ou igual a 0,3 casos/1.000 nascidos vivos, segundo a Organizadora Pan-Americana de Saúde (OPAS).

Dia de Luta Contra a Aids

Neste sábado (1º), é comemorado o Dia Internacional de Luta Contra a Aids. A data foi instituída há 30 anos, na Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) e pela Organização Mundial de Saúde. Para marcar a data, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), irá participar de ações junto aos municípios em todo Espírito Santo.

Saiba mais sobre HIV/AIDS:

Assim Pega

· Através do esperma, secreção vaginal ou sangue.

· Usando as mesmas agulhas e seringas, em grupo (drogas injetáveis).

· A mulher infectada com o vírus pode transmiti-lo para o bebê durante a gravidez, parto ou amamentação.

· Nas relações sexuais sem camisinha, com homens ou mulheres infectados.

· Quanto maior o número de parceiros sexuais, maior o risco de contaminação.

Assim não pega

· Ter relações sexuais com camisinha.

· Receber sangue devidamente controlado e atestado.

· Doar sangue usando agulha descartável ou esterilizada.

· Abraçar, apertar a mão ou fazer carícias.

· Usando copos, talheres, lençóis, travesseiros, roupas, toalhas e sabonetes.

· Utilizando vasos sanitários, piscinas ou saunas.

· Através de picada de insetos.

· Não foram registrados casos de contaminação por lágrima ou saliva.

Programação:

30/11 (sexta-feira)

· 13h às 17h: I Seminário de Aprimoramento da Assistência ao Pré-Natal – auditório do CEMAS

1º de dezembro (sábado)

· 7h às 13h: Ação de testagem, panfletagem e distribuição de preservativos – Rua Sete de Setembro, Centro, Vitória.

· 18h: Missa da Pastoral da Aids – Catedral Metropolitana de Vitória.

· Testagem de IST/AIDS nas unidades de saúde abertas durante o final de semana, na Serra.

03/12 (segunda-feira)

· 8h às 12h: Café com Prosa, no Centro de Referência de IST/Aids, Hepatites Virais e Violência, em Vila Velha.

05/12 (quarta-feira)

· 8h às 12h: Palestra educativa, teste rápido de HIV, Sífilis e Hepatites B e C, e distribuição de insumo – Praça principal de Marcílio de Noronha, Viana.

· 14h: Comemoração do Dia Internacional de Luta Contra a Aids, com um café da tarde – CR DST/Aids, em Vitória.

· Ação de panfletagem e distribuição de preservativos em Terra Vermelha, Vila Velha.

05 a 07/12 (quarta-feira a sexta-feira)

· Oficina de avaliação do VMS

06/12 (quinta-feira)

· 8h às 12h: Teste rápido de HIV, Sífilis e Hepatites B e C, e distribuição de insumos, na Unidade Básica de Saúde em Morada de Bethania.

· 18h às 22h: Teste rápido de HIV, Sífilis e Hepatites B e C, e distribuição de insumos, no Posto 13 de Maio III, no bairro Primavera, em Viana.

· Ação de panfletagem e distribuição de preservativos, na Praça Duque de Caxias, Vila Velha.

07/12 (sexta-feira)

· 8h às 12h: Palestra educativa, teste rápido de HIV, Sífilis e Hepatites B e C, e distribuição de insumos, na Unidade Básica de Saúde do bairro Universal, em Viana.

· Ação de panfletagem e distribuição de preservativos, na Praça da Glória, em Vila Velha.

10/12 (segunda-feira)

· Café para os pacientes do SAE/CTA da Serra

Onde fazer os testes de HIV, Sífilis e Hepatites B e C no Espírito Santo:

· Unidade Hilton Lopes Vieira

Praça Aderbal Galvão, 230, Centro, Afonso Claudio

Tel: (27) 3735-4014

· Unidade de Saúde

Rua: Moacir Saldino, S/N, Centro, Alfredo Chaves

Tel: (27) 3269-1114 ou (27) 3269-2714

· Centro de Testagem e Aconselhamento / Centro de Especialidades Unificadas (CEU)

Rodovia do Sol, km 21,5, Vila Residencial Samarco, Anchieta

Tel: (28) 3536-3282

· Serviço de Atendimento Especializado e Centro Testagem e Aconselhamento

Rua Padre Luiz Parenze, S/N, Vila Rica, Aracruz

Tel: (27) 3296-2600

· Centro de Testagem e Aconselhamento

Rua Alvaro Rodrigues Malta, S/N, Centro, Baixo Guandu

Tel: (27) 3732-4486 ou (27) 3732-8190

· Centro de Referência a em Infectologia Abel Santana

Rua Raulino de Oliveira, 52, Centro, Cachoeiro de Itapemirim

Tel: (28) 3511-8246

· Serviço de Atendimento Especializado

Rua Luciano Lube, 21, Campo Grande, Cariacica

Tel: (27) 3346-6524

· Centro de Testagem e Aconselhamento Unidade de Saúde de Castelo

Avenida Nossa Senhora da Penha, 578, Castelo

Tel: (28) 3542-8553

· Serviço de Atendimento Especializado / Centro de Testagem e Aconselhamento

Rua Aroldo Antolini, 134, Esplanada, Colatina

Telefone: (27) 3177-7113 ou (27) 3721-1531

· Serviço de Atendimento Especializado / Centro de Testagem e Aconselhamento

Praça da Matriz, 223, Centro, Guaçuí

Telefone: (28) 3553-3865 ou (28) 3553-1985

· Serviço de Atendimento Especializado

Rua Horácio Santana, 279, Parque Areia Preta, Guarapari

Tel: (27) 3262-8623

· Unidade de Saúde

Rua Ângelo Brioschi, 35, Centro, Jaguaré

Tel: (27) 3769-1944

· Serviço de Atendimento Especializado / Centro de Testagem e Aconselhamento

Rua João Felipe Calmom, 1.113, Centro, Linhares

Tel: (27) 3372-2132 / (27) 3372-1696 / (27) 3372-7404 / (27) 3372-7410

· Centro de Testagem e Aconselhamento / Serviço de Atendimento Especializado

Rua João Cipriano, 520, São Sebastião, Rio Bananal

Tel: (27) 3265-2045 / (27) 3265-2031

· Centro de Testagem e Aconselhamento

Rua Senador Atílio Vivácqua, 294, Jardim da Infancia, São Gabriel da Palha

Tel: (27) 3727-1496 (ramal 30)

· Centro Municipal de Especialidades - Serviço de Atendimento Especializado DST/Aids

Rua Jequitibá, S/N, São Sebastião do Meio, Santa Maria de Jetibá

Tel: (27) 3263-4860 / (27) 3263-4861

· Serviço de Atendimento Especializado / Centro de Testagem e Aconselhamento

Avenida José Tozzi, 2.552, Boa Vista, São Mateus

Tel: (27) 3767-4165

· Serviço de Atendimento Especializado Hospital Estadual Dório Silva

Rua Eudes Sherrer, s/n, Parque Laranjeiras, Serra

Tel: (27) 3138-8904

· Serviço de Atendimento Especializado / Centro de Testagem e Aconselhamento

Rua Homero Pimentel Lopes, 78, Bairro Nossa Senhora do Rosário de Fátima, Serra

Tel: (27) 3338-7010 / (27) 3328-3153

· Serviços de Atendimento Especializado / Centro de Testagem e Aconselhamento

Rua Vitória Bobbio s/n, Centro, Sooretama

Tel: (27) 3273-1014/ (27) 3273-1015

· Serviço de Atendimento Especializado / Centro de Testagem e Aconselhamento

Rua Levino Chacon, s/n, Centro, Viana

Tel: (27) 3255-1621

· Serviço de Atendimento Especializado / Centro de Testagem e Aconselhamento

Avenida Castelo Branco, 1.803, Centro, Vila Velha

Tel: (27) 3139-9151 / (27) 3139-9634 / (27) 99740-8457

· Serviço de Atendimento Especializado / Centro de Testagem e Aconselhamento

Rua Cais de São Francisco, 54, Parque Moscoso, Vitória

Tel: (27) 3132-5108 / (27) 3132-2115

· SAE Pediátrico – Hospital Estadual Infantil Nossa Senhora da Gloria (HINSG)

Alameda Mery Ubirajara, 205, Santa Lucia, Vitoria

Tel: (27)- 3636-7502 / (27) 3636-7573

· Serviço de Atendimento Especializado Santa Casa de Misericórdia

Rua Dr. João dos Santos Neves, 143, Vila Rubim, Vitória

Tel: (27) 3322-0074 / (27) 3212-7200

· Serviço de Atendimento Especializado - HUCAM

Av. Marechal Campos, s/n, Casa 5, Maruípe, Vitória

Tel: (27) 3335-7199 / (27) 99982-4302

· Serviço de Atendimento Especializado Hospital Policia Militar – HPM

Avenida Joubert de Barros, 555, Bento Ferreira, Vitória

Tel: (27) 3636-6557