Cidadãos da Espanha votam em eleição que pode acabar com bipartidarismo no país

Geral

Cidadãos da Espanha votam em eleição que pode acabar com bipartidarismo no país

Redação Folha Vitória

Madri - Os cidadãos da Espanha, descontentes com a taxa de desemprego de 21% e com casos de corrupção, votam neste domingo em uma eleição que deve ser histórica. O sistema político bipartidário tradicional do país pode acabar, com dois novos partidos ganhando força.

Há mais de três décadas, a Espanha é governada pelo Partido Popular e pelo Partido Socialista Obrero Español (PSOE), que se alternaram no poder. No entanto, de acordo com as pesquisas recentes, muitos eleitores devem votar no Cidadanos, de centro-direita, ou no Podemos, de esquerda radical. Esses dois partidos ganharam força recentemente ao retratar o Partido Popular e o PSOE como partidos dirigidos por políticos que se importam mais em manter o poder do que com as necessidades dos cidadãos.

As pesquisas apontam que o Partido Popular deve ser o mais votado, mas não deve obter votos suficientes para manter a maioria parlamentar. O primeiro-ministro Mariano Rajoy, do Partido Popular, diz que vai buscar alianças com políticos de fora de seu partido para evitar que a coalizão de esquerda ganhe poder. Fonte: Associated Press.