Presidente de mineradora diz que não sabe origem de R$ 500 milhões

Geral

Presidente de mineradora diz que não sabe origem de R$ 500 milhões

Segundo Meneghin, o presidente disse que a mineradora tem operações em Hong Kong, nas Ilhas Cayman e na Holanda, mas não detalhou a transferência

Redação Folha Vitória
Presidente da Samarco, Ricardo Vescovi Foto: Reprodução

O presidente da Samarco, Ricardo Vescovi, declarou em depoimento ao Ministério Público que "não sabe" de onde vieram os R$ 500 milhões que a Justiça bloqueou para ações na região de Mariana. A informação é do promotor Guilherme Meneghin, que o interrogou, e foi confirmada pela Samarco, em nota.

Segundo Meneghin, o presidente disse que a mineradora tem operações em Hong Kong, nas Ilhas Cayman e na Holanda, mas não detalhou a transferência. O valor teria vindo do exterior e caído na conta da Samarco. A empresa declarou que suas demonstrações financeiras estão disponíveis para consulta pública.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.