• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Obama acusa Rússia, Irã e Assad por massacres em Aleppo e pede ajuda humanitária

Geral

Obama acusa Rússia, Irã e Assad por massacres em Aleppo e pede ajuda humanitária

Washington - O presidente Barack Obama pediu acesso à ajuda humanitária e observadores internacionais imparciais na cidade sitiada de Aleppo, na Síria, e disse que "este sangue e essas atrocidades" estão nas mãos da Rússia, do Irã e do regime do presidente sírio, Bashar al-Assad.

Em sua tradicional coletiva de imprensa de fim de ano, Obama disse nesta sexta-feira que o conflito não vai acabar até que as partes cheguem a uma resolução política.

"Deve ficar claro que, embora você possa alcançar vitórias táticas a longo prazo, o regime de Assad não pode massacrar quem está em seu caminho para conseguir a vitória", disse Obama. "O mundo não vai esquecer".

Obama fez as declarações após a ruptura de um acordo para retirar civis de bairros em Aleppo que são os últimos daqueles que foram presos por rebeldes que lutam no regime de Assad.

As imagens que vêm de Aleppo de civis sob ataques renovaram as críticas à política de Obama contra a Síria.

A Casa Branca acusou o regime de Assad, o Irã e a Rússia de cometer crimes de guerra contra sírios, mas Obama não conseguiu negociar um cessar-fogo duradouro ou uma resolução política para resolver o conflito. Fonte: Dow Jones Newswires.