Temer decreta luto oficial de 3 dias pela morte de d. Evaristo Arns

Geral

Temer decreta luto oficial de 3 dias pela morte de d. Evaristo Arns

Redação Folha Vitória

Brasília - O presidente Michel Temer declarou luto oficial de três dias em todo o País em sinal de pesar pelo falecimento do cardeal Paulo Evaristo Arns, arcebispo Emérito de São Paulo. O decreto de Temer está publicado no Diário Oficial da União (DOU).

D. Evaristo Arns morreu na quarta-feira, 14, aos 95 anos. Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Santa Catarina (SP) desde 28 de novembro com um quadro de broncopneumonia e, nos últimos dias, apresentou piora do sistema renal.

Grande líder da Igreja Católica, d. Evaristo dedicou a vida aos pobres, à defesa dos direitos humanos e virou símbolo de resistência à ditadura militar.