Líder catalão pede que governo da Espanha restitua seu governo

Geral

Líder catalão pede que governo da Espanha restitua seu governo

Redação Folha Vitória

Madri - O líder catalão Carles Puigdemont, que está exilado na Bélgica desde que o governo da Espanha destituiu o governo regional, em outubro, pediu neste sábado que as autoridades abram negociações para restituir o que chamou de seu "legítimo governo".

Em uma postagem em sua rede social, Puigdemont afirmou que a Espanha deveria "reconhecer o resultado eleitoral" das eleições, quando foi eleito na província, e "começar a negociar politicamente com o legítimo governo da Catalunha".

Em outubro, o primeiro-ministro Mariano Rajoy destituiu Puigdemont e seu gabinete após o parlamento regional da Catalunha votar a favor de uma declaração de independência do resto do país.

Puigdemont então fugiu para Bélgica para evitar uma investigação sobre o papel de seu governo em pressionar pela separação da Espanha, numa violação da constituição do país. Nas eleições da semana passada, no entanto, partidos que apoiam a independência, incluindo o seu, venceram as eleições regionais, conquistando a maior parte dos assentos.

Na sexta-feira, Rajoy afirmou que planeja convocar o novo parlamento catalão em 17 de janeiro. Fonte: Associated Press.