• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Observadores das eleições no Congo relatam problemas

Geral

Observadores das eleições no Congo relatam problemas

Observadores das eleições presidenciais na República Democrática do Congo relatam diversas complicações no pleito deste domingo. Luc Lutala, porta-voz do Symotel, um dos grupos que observam a disputa, afirmou: "Sabíamos que haveria problemas, mas isso é muito além do que esperávamos". Ele disse que algumas zonas eleitorais mudaram de lugar em cima da hora, confundindo eleitores; que diversas zonas não têm as listas com os nomes de quem está registrado para votar lá; e que parte das urnas eleitorais não funcionam. O grupo tem cerca de 19 mil observadores espalhados pelo Congo.

Três regiões do país foram excluídas da votação deste domingo devido a uma epidemia de Ebola. Os eleitores desses locais, estimados em aproximadamente um milhão, votarão apenas em março. A decisão de adiar os votos nessas cidades foi polêmica, e críticos dizem que ela pode ameaçar a credibilidade do resultado.

Dois candidatos principais da oposição, Martin Fayulu e Felix Tshisekedi, enfrentam Emmanuel Ramazani Shadary, o escolhido pelo atual presidente Joseph Kabila para sucedê-lo. A eleição representa a primeira chance do país de ter uma transição de poder pacífica e democrática desde sua independência em 1960.