• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Ensaios do projeto Sereias Capixabas prometem encantar o público do Espírito Santo

MEIO AMBIENTE

Geral

Ensaios do projeto Sereias Capixabas prometem encantar o público do Espírito Santo

Após um longo período chuvoso, equipe de fotografia, maquiagem e produção puderam realizar o ensaio tão esperado, em água, com as Sereias Capixabas

Andressa Missio

Redação Folha Vitória
Foto: Sereias Capixabas
Detalhes da maquiagem em Nabila Furtado

São pelo menos duas horas de trabalho para que a maquiadora artística Carolina Queiroz consiga dar vida a uma Sereia. Além de base, sombras coloridas, muito brilho e rímel, ela usa um truque para reproduzir o formato de escamas no rosto, punhos e colo das mulheres escolhidas para incorporar a campanha ambiental da Rede Vitória. Algo simples - nada mais que uma meia arrastão para servir de molde - mas que dá o efeito místico da criatura mais bela do mar. 

Até chegar às sessões fotográficas, houve um longo período de preparação da equipe técnica e das sereias. Do lançamento, que ocorreu em agosto, à escolha das seis mulheres (e de uma criança!), passando por um workshop sobre a importância de sua representatividade, até conciliar a agenda de toda a equipe - e do sol! - foram quatro meses de espera. Por isso, assim que a primeira sereia ficou pronta, todos os envolvidos vibraram e se emocionaram ao ver o projeto ganhando forma - e muita beleza. 

Emoção 

"Me sinto feliz em ver a adesão das pessoas, o impacto que estamos criando na mídia, o momento de dedicação e diversão de toda a equipe e convidados. Tudo isso valoriza nosso trabalho", comenta Petrus Lopes, criador do projeto Sereias Capixabas. 

Não se trata apenas de um ensaio artístico ou cultural, mas sim de uma campanha em favor dos oceanos. Por isso, Petrus completa: "o esgoto é um passivo ambiental, um impacto socioambiental que afeta a saúde da população e a vida natural. Poder contribuir com o avanço da saneamento básico por meio de mulheres sereias é surreal. Sereias morrem quando não tratamos nosso esgoto! E elas me pediram ajuda!"

A modelo, primeira Dama de Cariacica e coordenadora do Miss Espírito Santo BE Emotion, Nabila Furtado, está entre as Sereias. Seu ensaio na água foi nesta quarta-feira e, apesar da fobia ao mergulhar, cumpriu o desafio. "O projeto ficou incrível, as fotos estão ficando lindas, estou realizada! Acompanhem esse projeto, vamos divulgá-lo, para que as pessoas tenham cada vez mais consciência de que o esgoto não tratado leva plástico ao mar", alerta Nabila. 

Ariel

Uma das surpresas foi a inclusão de uma criança no ensaio fotográfico. Trata-se de Júlia, filha da blogueira e atleta Fernanda Pignaton. "Sou amante do mar e mãe, e assim, penso que preservar os oceanos é querer um futuro melhor para minha filha", diz Fernanda. Júlia pediu para participar das fotos. Foi prontamente atendida pela mãe e recebida com muito carinho pela equipe e coordenação do projeto. Para a menina, foi a realização de um sonho. "Eu me senti a própria Ariel", contou sorrindo. 

As fotografias foram feitas com câmeras especiais subaquáticas, por profissionais especializados. Francielle Teixeira, do projeto Sensações, e Rodrigo Lopes, biólogo marinho, foram os responsáveis pelos cliques e também por ensinar as sereias a nadar com as caudas. Também foram utilizados drones para capturar imagens aéreas do cenário. Além do ensaio na piscina, as sereias também passaram por uma sessão de fotografias na areia e no mar. As fotos oficiais começam a ser lançadas a partir da próxima semana. 

"As fotos estão impactantes e espero que elas realmente tragam o resultado esperado, que é uma comoção das pessoas ao ver um ser místico morrendo e pedindo socorro. E que assim, elas passem a ter mais cuidado com o lixo", comenta com ansiedade a blogueira - e sereia - Aline Zanardo. 

Envolvimento

A estudante de biologia Ludmila Almeida, além de ser uma das sereias, participou de todas as sessões fotográficos. Ela tomou para si a campanha, já que se preocupa com os rumos do meio ambiente. Ajudou na produção, arrumou o cabelo das colegas e se envolveu com todos os detalhes, inclusive criando um perfil no Instagram, que chamou de @sereiascapixabasoficial. 

A jornalista da Rede Vitória Roberta Salgueiro já fez as fotos na areia, e ainda fará esta semana a sessão na água. Já a modelo Bárbara Catharine, vestida de cauda dourada, encantou toda a equipe ao incorporar um ser em sofrimento. 

Cada sereia utilizou uma cor diferente de cauda - outro espetáculo a parte. De azul a vermelha, de verde a dourada. As fantasias foram enviadas pela Sirenita, empresa de São Paulo especializada em nadadeiras flexíveis. 

Acompanhe um pouco dos bastidores do ensaio na água: